BIO!

Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


3 plantas/ervas que comprovadamente diminuem naturalmente a pressão arterial

 Ilustração. produto.mercadolivre.

 

Pressão alta, ou hipertensão, é uma condição médica em que a força do sangue empurrando contra as paredes dos vasos sanguíneos é consistentemente muito alta. Ser hipertenso coloca você em um risco maior de desenvolver um ataque cardíaco ou derrame. A principal forma da pressão alta provocar danos é estressar o coração e os vasos sanguíneos – eles têm que trabalhar mais e de forma menos eficiente apenas para mantê-lo vivo.

Com o tempo, essa carga de trabalho danifica os tecidos delicados dentro de suas artérias. Isso contribui para a formação de colesterol ruim ao longo das paredes das artérias, estreitando as passagens onde o sangue flui.

A maioria das pessoas nem sabe que tem pressão alta, e é por isso que muitos médicos chamam a condição de “assassina silenciosa”. A hipertensão pode causar danos silenciosos e pode estar ameaçando sua saúde neste exacto momento.

Há uma variedade de classes de medicamentos para pressão alta. Cada um tem seus próprios mecanismos de ação e destina-se a gerenciar/gerir apenas a condição. Os cardiologistas são pressionados pela indústria farmacêutica para prescrever imediatamente essas drogas sem primeiro considerar os métodos naturais.

 

Um deles é o uso de remédios de plantas.

3 plantas mostram um grande potencial para esse propósito.

 

Cúrcuma/Açafrão A curcumina, o antioxidante encontrado na cúrcuma, ajuda a baixar a pressão arterial, protegendo o coração e os vasos sanguíneos contra danos. Como mencionado anteriormente, um motivo comum para a hipertensão é o acúmulo de placas nas artérias. A placa estreita suas artérias, retardando o fluxo de sangue para o coração e, eventualmente, causando danos. A curcumina impede que isso aconteça. Estudos também mostraram que a curcumina pode inibir a produção da enzima conversora de angiotensina (ECA), que estreita os vasos sanguíneos.

A cúrcuma/açafrão-da-terra/açafrão-da-índia é também um poderoso anti-inflamatório. Isso ajuda a manter a hipertensão longe.

 

Gengibre Os compostos químicos encontrados no gengibre podem ajudar a reduzir a pressão alta. O gengibre reduz o colesterol total no sangue do corpo, reduzindo o risco de doença cardíaca.

O gengibre também impede a formação de coágulos sanguíneos nos vasos sanguíneos.

 

Ginkgo biloba Existem evidências que sugerem que o ginkgo biloba melhora a saúde cardiovascular através de suas propriedades vaso-dilatadoras e anti-hipertensivas. De facto, tem sido sugerido que o gingko biloba funciona tão eficazmente quanto a medicina prescrita na melhoria da função dos vasos sanguíneos. Embora os pesquisadores hesitem em concluir definitivamente a utilidade do ginkgo biloba no tratamento da hipertensão essencial, os curandeiros continuam a recomendá-lo como um remédio natural para melhorar a saúde geral.

Aconselha-se a tomar estas ervas como parte de uma abordagem abrangente para a saúde cardiovascular. Isso significa suplementá-las com exercícios regulares e planos alimentares correctos. Estas ervas não são soluções de correcção rápida. Prevenir a hipertensão é parte do estabelecimento de um estilo de vida saudável.

 

Temas relacionados:

Ataque cardíaco: Estudo, os médicos confundem os sintomas

Omeprazol: 10 perigos para a saúde

Coca Cola Dieta aumenta o risco de insuficiência cardíaca

Fármacos para o coração e para a pressão devem ser evitados
Alpiste/alpista e canela para baixar a pressão arterial

MTC: O pilriteiro / crataegus

Sementes de abóbora e os benefícios

Agradecer promove a saúde e a felicidade; 11 motivos para o fazer

A respiração abdominal e seus grandes benefícios

Coração saudável: A importância das vitaminas

Sabia que ouvir Mozart faz bem ao coração?

Pequeno, vermelho, fresco, saudável, o rabanete diminui o risco cardiovascular

27 alimentos mais alcalinos: Para proteger a sua saúde da larga maioria das doenças, incluindo cancro

Sabia que o exercício físico chega a ser mais eficaz que os fármacos?

Ginkgo biloba: Para que serve

Estudo: Gengibre natural é 10.000 vezes mais eficaz no combate ao cancro que a quimioterapia

Gengibre: Ele faz parte da sua alimentação?

Açafrão, bom para tratar glaucoma e para diagnóstico neurológico

Depressão: Limonada de açafrão, efeito melhor do que os antidepressivos

Benefícios do Açafrão da Índia/Cúrcuma

Leite dourado: O leite saboroso e saudável

Doença de Alzheimer: Nova esperança com açafrão/cúrcuma

A bondade altera o organismo humano

Planta medicinal: A dedaleira

Sono: Quando insuficiente e desregrado pode provocar doenças cardíacas

Coração: O remédio natural que existe há muito

 

Fontes:

Notícias Naturais

Natural News

Homeopathic

Heart.org

Que o teu alimento seja o teu único medicamento! Hipócrates - Pai da Medicina

Autoria e outros dados (tags, etc)

Alimentos biológicos e com vitalidade = saúde !




A farmácia é a natureza !


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sabedoria

"Aqueles que pensam que não têm tempo para cuidar de si e da sua alimentação, mais cedo ou mais tarde terão de encontrar tempo para a doença."

Publicidade: Desintoxicar


Mais sobre mim

foto do autor




Mensagens






Sabedoria ancestral

Paracelsus: "O que cura é o amor."


Atenção: Este blogue, não visa substituir o seu técnico de saúde de sua confiança!

As informações contidas neste blogue não substitui de forma alguma a consulta de um profissional de saúde de sua confiança. Consulte sempre o seu profissional de saúde sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e bem-estar, bem como os seus tratamentos e outros. Embora sejam tomados cuidados para as informações contidas neste blogue estejam correctas, algumas informações nos artigos deste blogue podem conter erros dos mais variados aspectos, pelo qual este blogue não se responsabiliza de nenhuma forma. Somente uma visita física ao seu técnico de saúde lhe pode fornecer as informações e cuidados que melhor se adequam a si/vc. As informações contidas neste blogue não se destinam a serem usadas como um substituto ou aconselhamento profissional. Quaisquer dúvidas ou preocupações que você tenha sobre sua saúde devem ser discutidas com seu técnico de saúde. Por favor, note que a informação sobre a saúde está a mudar constantemente. Portanto, algumas informações podem estar desactualizadas. Os comentários publicados são da responsabilidade dos seus autores e dos leitores que dele fizerem uso. Os comentários não reflectem a opinião do blogue. Ao visitar este blogue você concorda com estes termos.

BPT