BIO!

Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O psílio/psyllium, cujo nome científico é Plantago psyllium, é uma planta nativa da Índia/China/Paquistão e é famosa por causa das suas propriedades medicinais. 

Seu nome vem da palavra grega “psylla”, que significa “pulga” porque as suas sementes são pequenas como esse insecto. Actualmente, a semente/psíliopsyllium é indicada para quem pretende perder peso, já que ela sacia.

 

Foto:remoplit

 

Nome científico: 

Plantago psyllium L. 

 

Família: 

Plantaginaceae. 

 

Sinônimos botânicos: 

Plantago afra L., Plantago ovata Forssk. 

 

Outros nomes populares: 
em português: Psyllium, plantago, psílio, psilium

binomial: Plantago afra L. ou Plantago ovata

em alemão: Flohsamen, Wegerich, Psyllium

em francês: Psylli, plantain psyllium, herbe à la puce, ispaghule

em italiano: psillio

 

Constituintes químicos: 

glicosídeos, mucilagem (aumenta de volume de 8 a 14 vezes em presença de água), fibras. 

 

Um dos efeitos:
laxante formador de massa, devido a uma acção mecânica que aumenta o volume das fezes, o bolo alimentar incha e sai com mais facilidade. A acção ocorre após 12 horas a 3 dias.

 

Propriedades medicinais: 

anti-diabética, estimulante, laxante, sudorífera. 

 

Indicações: 

gases, diabete tipo 2, induzir movimento intestinal, prisão de ventre, reduzir colesterol total, o LDL e o ácido úrico, redução do risco de doença cardíaca coronariana. 

 

Parte utilizada: 

sementes. 

 

Bom funcionamento do intestino e outros benefícios

+ A plantago psyllium é indicada para o tratamento de prisão de ventre, intestino irritável, diverticulose, diarreias, hemorróidas e fissuras anais

+ Auxilia na desintoxicação e eliminação de toxinas

+ Auxilia no tratamento da hiper-colesterolemia

+ Auxilia no tratamento de diabetes tipo 2

+ Controla a produção de gases intestinais

+ Devido à sua capacidade de absorção da água, as fibras da psilium aumentam o volume das fezes, gerando uma viscosidade que aumenta o tamanho do bolo fecal e contribui dessa forma para o bom funcionamento de trânsito intestinal

+ Proporciona a sensação de saciedade e reduz a absorção de gorduras pelo intestino, auxiliando, assim, no processo de emagrecimento

+ Reduz os níveis de colesterol total e do colesterol mau/ruim

+ Reduz os níveis de glicemia pós-prandial

+ Reduz os riscos de doenças cardiovasculares
 

Modo de usar: 
- decoção para uso interno: 3 g de sementes em 100 ml de água. Tomar 2 a 3 xícaras/chávenas ao dia; 
- decoção para uso externo: 5 g sementes em 100 ml de água. Fazer limpeza de feridas, gargarejo, compressa. 

 

Temas relacionados:

A semente chia e seus benefícios

A obstipação/prisão de ventre

Sem glúten: Já conhece o grão etíope/miudinho/eragrostis e seus benefícios?

Valor nutricional do cânhamo

A alimentação crua

Amaranto: Benefícios e receitas

Aveia: O cereal que regula o intestino

Os nossos avós ainda conheciam a importância do demolhar

Obesidade: Cada vez se morre mais cedo

Pão branco: Engorda, estupidifica e é um assassino oculto

Quinoa: Benefícios

 

Fontes:

Naturopatia

Plantamed

Que o teu alimento seja o teu único medicamento! Hipócrates - Pai da Medicina

Autoria e outros dados (tags, etc)

Alimentos biológicos e com vitalidade = saúde !





A farmácia é a natureza !


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sabedoria

"Aqueles que pensam que não têm tempo para cuidar de si e da sua alimentação, mais cedo ou mais tarde terão de encontrar tempo para a doença."

Publicidade: Desintoxicar


Mais sobre mim

foto do autor




Mensagens




Sondagem

Confia na ciência-médica?
 
pollcode.com free polls


Sabedoria ancestral

Paracelsus: "O que cura é o amor."


Atenção: Este blogue, não visa substituir o seu técnico de saúde de sua confiança!

As informações contidas neste blogue não substitui de forma alguma a consulta de um profissional de saúde de sua confiança. Consulte sempre o seu profissional de saúde sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e bem-estar, bem como os seus tratamentos e outros. Embora sejam tomados cuidados para as informações contidas neste blogue estejam correctas, algumas informações nos artigos deste blogue podem conter erros dos mais variados aspectos, pelo qual este blogue não se responsabiliza de nenhuma forma. Somente uma visita física ao seu técnico de saúde lhe pode fornecer as informações e cuidados que melhor se adequam a si/vc. As informações contidas neste blogue não se destinam a serem usadas como um substituto ou aconselhamento profissional. Quaisquer dúvidas ou preocupações que você tenha sobre sua saúde devem ser discutidas com seu técnico de saúde. Por favor, note que a informação sobre a saúde está a mudar constantemente. Portanto, algumas informações podem estar desactualizadas. Os comentários publicados são da responsabilidade dos seus autores e dos leitores que dele fizerem uso. Os comentários não reflectem a opinião do blogue. Ao visitar este blogue você concorda com estes termos.

BPT