BIO!

Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Veja o que o antibiótico pode fazer à sua saúde!

 

Uma rodada de antibióticos/antivida de 2 semanas quase tirou a vida de um homem. Josh Dennis, 38 anos, do Colorado, sofreu fortes bolhas e queimaduras em mais de 90% de seu corpo, e ficou temporariamente cego depois de tomar a primeira semana de antibióticos para tratar uma infecção por estafilococos.

A dose de antibióticos afectou seu corpo com necrólise epidérmica tóxica, uma condição debilitante em que as células da pele, membranas mucosas, olhos e genitais começam a queimar e a formar bolhas indiscriminadamente. A reacção começou com coceira sob as unhas e rapidamente irrompeu em urticária. Ele caiu com uma febre que não podia ser detida. Uma coceira incontrolável assolou seus pés e ele começou a se esforçar para andar.

Foto:noticiasnaturais

 


Josh Dennis sofreu com queimaduras em cerca de 90 por cento de seu corpo após uma reação aos antibióticos
Quando a pele começou a se separar de seu corpo, ele procurou ajuda. Os médicos se atrapalharam com a literatura médica para descobrir o que poderia estar acontecendo. Dennis foi rapidamente internado em uma ala de queimaduras. Dentro de uma semana, Dennis estava irreconhecível, acamado e coberto em bolhas da cabeça aos pés . Seus olhos começaram a ficar roxos e seu rosto estava inchado. Até o interior de sua boca se transformou em bolhas. Ele se lembra vividamente de ficar com “um escroto parecendo um cérebro escorrendo pus”. Ele perdeu a capacidade de andar e comer.

Os cirurgiões tiveram que realizar uma operação de emergência para salvar sua visão. Os cirurgiões salvaram sua visão apenas quatro dias antes do Natal, anexando uma membrana entre as pálpebras e os globos oculares. A membrana, feita de uma placenta, protegeu sua córnea do dano das crescentes queimaduras.


A pele de seu pé saiu e ele perdeu as unhas dos pés como resultado da infecção
Todos os que vieram visitá-lo não suportavam olhar. Os antibióticos transformaram Dennis em um “zumbi da vida real”. “Qualquer um que visitou não ficava confortável. Eles achavam que minha esposa estava fria por não reagir como eles, mas ela dizia a eles: ‘Ainda vejo meu marido’“. A reabilitação levou várias semanas, mas sua esposa estava lá para ajudá-lo durante a luta. Quando sua visão se recuperou, ele teve que usar óculos especiais. Ele não pôde dirigir por seis semanas. Ele teve que mudar tudo em sua vida, desde o que ele come até o banho.

“Aqui estamos oito semanas depois e ainda é uma luta, mas minha visão está quase de volta ao normal, parei de usar muitos dos medicamentos, e posso comer qualquer coisa novamente“, disse Dennis.

Ainda se recuperando, Dennis tem medo de antibióticos e observa os rótulos de advertência de perto. “Nem em um milhão de anos achei que isso poderia acontecer com antibióticos. É uma loucura, nenhum aviso, e foi a primeira vez que eu fui a um médico em cinco anos.”

“É incrível quantos produtos eu nunca vou usar novamente apenas por causa das etiquetas de aviso. Conheço melhor o meu corpo e estou mais consciente do que a minha família está colocando em seus corpos. Me assusta pensar que meus filhos estão em risco. Eu não desejaria isso ao meu pior inimigo.”

Dennis credita sua esposa por ser uma grande parte de sua recuperação. Na enfermaria de queimados, “Eu podia ouvir sua voz acima de tudo, eu tinha muitos dias que pareciam sonhos com todas as alucinações, eu podia conversar com minha esposa e manter os pés no chão“.

 

Temas relacionados:

Resistência aos antibióticos aumenta com fármacos para o colesterol e alergias

Antibiótico própolis: Conhece este poderoso remédio natural?

Bicarbonato de sódio / soda, o remédio caseiro fabuloso das nossas avós

27 antibióticos naturais

Prata coloidal: Sabe o que é para que serve?

MMS: Sabe o que é e para que serve?

Bactérias cada vez mais resistentes a antibióticos ameaçam planeta

Antibióticos danificam o cérebro

Antibiótica: Promove pólipos e o cancro

Os antibióticos fazem engordar?

Os antivida ( antibióticos ) têm os dias contados?

Os 9 fármacos mais perigosos do planeta

Metade de 4000 fármacos avaliados são inúteis

Porque os teus avós não sofriam de alergias, já os netos não podem afirmar o mesmo

A argila

A alfazema e seus benefícios

 

Fonte:

Notícias Naturais

Que o teu alimento seja o teu único medicamento! Hipócrates - Pai da Medicina

Autoria e outros dados (tags, etc)

Alimentos biológicos e com vitalidade = saúde !




2 comentários

De Delegado de propaganda médica a 29.03.2018 às 10:20

As drogas farmacêuticas ou fármacos, também as chamam medicamentos nazis. Estas drogas deviam ter no rótulo uma caveira e imagens como os maços de cigarros, alertar para o perigo para a saúde desses "medicamentos" ultraperigosos que chegam a matar.

De Anónimo a 29.03.2018 às 22:32

A minha falecida mãe quando tomou antibióticos há 50 anos atrás teve uma reacção bastante parecida, a pele debaixo dos braços, e detrás dos joelhos, parecia escamosa e deitava líquido mal cheiroso, caiu a pele do corpo, parte do cabelo. E levou 3 meses a recuperar. Chamaram na altura alergia medicamentosa!

Comentar post



A farmácia é a natureza !


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sabedoria

"Aqueles que pensam que não têm tempo para cuidar de si e da sua alimentação, mais cedo ou mais tarde terão de encontrar tempo para a doença."

Publicidade: Desintoxicar


Mais sobre mim

foto do autor




Mensagens




Sondagem

Confia na ciência-médica?
 
pollcode.com free polls


Sabedoria ancestral

Paracelsus: "O que cura é o amor."


Atenção: Este blogue, não visa substituir o seu técnico de saúde de sua confiança!

As informações contidas neste blogue não substitui de forma alguma a consulta de um profissional de saúde de sua confiança. Consulte sempre o seu profissional de saúde sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e bem-estar, bem como os seus tratamentos e outros. Embora sejam tomados cuidados para as informações contidas neste blogue estejam correctas, algumas informações nos artigos deste blogue podem conter erros dos mais variados aspectos, pelo qual este blogue não se responsabiliza de nenhuma forma. Somente uma visita física ao seu técnico de saúde lhe pode fornecer as informações e cuidados que melhor se adequam a si/vc. As informações contidas neste blogue não se destinam a serem usadas como um substituto ou aconselhamento profissional. Quaisquer dúvidas ou preocupações que você tenha sobre sua saúde devem ser discutidas com seu técnico de saúde. Por favor, note que a informação sobre a saúde está a mudar constantemente. Portanto, algumas informações podem estar desactualizadas. Os comentários publicados são da responsabilidade dos seus autores e dos leitores que dele fizerem uso. Os comentários não reflectem a opinião do blogue. Ao visitar este blogue você concorda com estes termos.

BPT