BIO!

Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Ministro italiano disse em Junho de 2018  que as vacinas obrigatórias são inúteis.

Imagem:pravda-tv.

 

O novo governo italiano, anti-sistema, aprovou no início de Agosto uma lei que acaba com a obrigatoriedade de vacinar as crianças que entrem na escola.

Lei, que abrange crianças em idade escolar, foi aprovada no Senado (Itália) mas infelizmente só entra em vigor no ano letivo 2019/2020. A comunidade médica ao serviço das farmacêuticas lança fortes críticas à medida e faz avisos que a população pode assim aderir à onda da não-vacinação. Temos que entender que esta comunidade médica, não está tão preocupada com a saúde dos italianos mas sim com a perda das comissões.

As vacinas obrigatórias. - até aqui obrigatórias - para poliomielite, difteria, tétano, hepatite B, coqueluche/tosse convulsa, sarampo, caxumba/papeira, varicela, rubéola e Haemophilus influenzae tipo b.

"As 10 vacinas obrigatórias para além de serem inúteis, eram em muitos casos, perigosas e danosas", disse o ministro Salvini.

Não deixa de ser curioso, a Itália apesar de ter a vacinação obrigatória, foi um dos países europeus com mais casos de sarampo.

A nova lei recebeu luz verde da Câmara Alta – o Senado – tendo recebido 148 votos a favor, 110 contra e três abstenções.

 

 

Temas relacionados:

A vacina do HPV/VPH, conheça a verdade

Sondagem: Confia nas vacinas?

Cientista: A vacina contra VPH/HPV é uma fraude

Vacina para HPV: Adolescente desmaia diariamente 8 vezes e tem narcolepsia

Tribunal: Vacina Gardasil contra HPV mata seres humanos

Vacina VPH: 3.000 japonesas metem governo e farmacêuticas em tribunal

Remédios naturais eficazes para tratar a poliomielite

Vacina: Mais mortes e doenças

A falsa epidemia de sarampo na Europa

Ingredientes tóxicos nas vacinas de crianças

Vacina do sarampo é ineficaz

Porque será que médicos, enfermeiros e assistentes preferem não se vacinar?

A farsa das vacinas/vacinação

Mais uma mentira das farmacêuticas: Tribunal confirma que o vírus do sarampo não existe

"O sarampo em Portugal", factos; Refutada a existência do Vírus do sarampo

Estudo oficial: crianças que não são vacinadas são mais saudáveis

RKI e cientistas: Vacina contra a gripe actual praticamente não funciona

Resultados de análises sobre conteúdo das vacinas

Vacinas: Demasiadas contêm o pesticida cancerígeno glifosato

Sondagem: Confia nas vacinas?

As epidemias não desapareceram devido à vacinação

V. Putin exige o primeiro estudo internacional sobre a segurança das vacinas

Presidente Putin: OGM e vacinas ameaçam a evolução da humanidade

Vacina: Provoca a doença que devia alegadamente combater

Bebé de 6 meses morre após tomar vacina

"Gardasil®, vacina mortal?"

Infarmed: "Reacção à vacina pode ser fatal"

Infarmed: Pede atenção a eventuais reacções adversas à nova vacina

Veterinário: Morte de animais deve-se ao excesso de vacinação

TJUE: Tribunal de Justiça, a vacina como fonte de doenças

Tribunal da Rep. Checa decide pela liberdade de os pais não vacinarem os filhos

Vacina do sarampo é ineficaz

O vírus do sarampo não existe?

EUA: 145.000 crianças morreram devido às vacinas

RKI e cientistas: Vacina contra a gripe actual praticamente não funciona

Vacina da febre amarela: Efeitos adversos e mortes

Vacina da gripe: Eficácia é muito mais reduzida que a propaganda da DGS e outros pretendem fazer crer

Vacina da gripe provoca abortos (Vídeo)

Farmacêutica: Vacina para o dengue causa doenças graves

Vacina da gripe: Um segundo olhar

Vacinas: Cientistas concluíram, não há nenhum benefício histórico mas há prejuízos neurológicos

Vacinação: Mais outro estudo, crianças não-vacinadas são mais saudáveis que as vacinadas

Amish: Extremamente raro adoecerem de autismo, alergias, cancro e doenças cardíacas

Escandinávia: Chefe de saúde fala sobre os perigos da vacinação (Vídeo)

Os 9 fármacos mais perigosos do planeta

Estado vai ter de pagar indemnizações, vacinados tiveram reacção adversa

Gripe e resfriados: A vitamina D é mais eficaz que a vacina

Declaração de recusa de apresentação do Boletim de Vacinas! (Direitos)

OMS: Confirma surto de pólio após vacinação

Vacina: Mais mortes e doenças

Estudos farmacêuticos segundo o editor The Lancet: Metade são falsos, manipulados ou não confiáveis

Testemunha: Efeitos adversos das vacinas da Hepatite B e dT

Vacinas: Efeitos colaterais graves e anomalias causadas ao sistema imunológico

Partes do corpo humano nos alimentos, na cosmética e nas vacinas

"O sarampo em Portugal", factos; Refutada a existência do Vírus do sarampo

Partes do corpo humano nos alimentos, na cosmética e nas vacinas

Vacina da gripe: Faz mais vítimas, desta vez em Curitiba-Brasil

Médicos e farmacêuticos: Estudos sobre as vacinas são medíocres

Afinal a vacina da gripe não protege o adulto !

Vacinação: Vacina contra a gripe A pode provocar síndrome fatal

Vacinas: Armas de destruição massiva das farmacêuticas... (2ª Parte)

Suécia: Parlamento votou "Não"; Contra a obrigação da vacinação

A.R.: Saúde Pública (Vacinação) ou não!

Portugal e a vacinação: 48% dos infectados são profissionais de saúde

Resutados de análises sobre conteúdo das vacinas

Vacina: Dobro de mortes entre crianças vacinadas em relação às não vacinadas

Vacinas: São diferentes as que são administradas aos governos!

Coreia do Sul: Surto de varicela/catapora aumenta com a vacinação obrigatória, diz Estudo Sul-Coreano

Estudo oficial: crianças que não são vacinadas são mais saudáveis

EUA: 145.000 crianças morreram devido às vacinas

Menino morre depois de ter sido vacinado

Frutos e legumes biológicos funcionam como boas vacinas

Crianças morrem após vacinação

Alerta: Programa Nacional de Vacinação 2017; Terrorismo de Estado ?

DGS: Não é necessária a vacinação obrigatória

Vacinação: Lavagem cerebral

Mito: Vacinação garante imunidade

Epidemias, autismo e vacinas: A indústria farmacêutica fabrica e factura

Estudo: O vírus Zika não é a causa da microcefalia mas sim vacinas

França: Suspendida vacina suspeita de causar doenças

Vacinas: Médicos indianos apresentam queixa-crime contra Bill Gates

Vacinas: Armas de destruição massiva das farmacêuticas...

Ainda acha que a indústria farmacêutica e as vacinas são benéficas ?!

Os perigos da vacinação!

 

Fontes:

Der Standard

Gloria-TV

Impfungen? Nein danke

QS-Wob

Krisenfrei

Pravda-TV

Saúde Online

Templerhofiben

Universa.UOL

Watergate.TV

Que o teu alimento seja o teu único medicamento! Hipócrates - Pai da Medicina

Autoria e outros dados (tags, etc)

Alimentos biológicos e com vitalidade = saúde !




6 comentários

De Anónimo a 14.10.2018 às 09:32

As vacinas são perigosas para a saúde
Você já se perguntou o que realmente está em vacinas? Quais são os perigos em vacinas? De acordo com o Centers for Disease americanos Controles aditivos de vacina, todos estes ingredientes são comumente usados ​​como vacina aditivos:

Um metal de alumínio leve para causar demência e doença de Alzheimer.
antibióticos químicos que promovem supermicróbios que são resistentes a antibióticos e são letalmente matando dezenas de milhares de americanos todos os anos.
Este formaldeído é um produto químico usado para preservar corpos. Ele é altamente tóxico para o sistema nervoso, provocando cegueira, danos cerebrais e convulsões.
O Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos EUA reconhece abertamente que o formaldeído causa câncer. Você pode ver isso por si mesmo no site do Programa Nacional de Toxicologia, que apresenta seu 12º Relatório sobre agentes cancerígenos aditivos.

O PDF seguinte concedido pelo Programa Nacional de Toxicologia esquecer completamente de mencionar o formaldeído em vacinas. Este é o pequeno segredo sujo do governo e da indústria da vacina.

Formaldeído causa leucemia mielóide e cancros raros, tais como câncer de nasofaringe e sinonasal. Ver relatório aqui.

glutamato monossódico (MSG) Um produto químico chamado neurotóxico excitotoxin. Isso faz com que os neurônios do cérebro estão em um estado muito excitados ao ponto de morte.
MSG é tóxico mesmo quando consumida nos alimentos, causando dores de cabeça, como enxaqueca e danos no sistema endócrino. Você nunca deve injetar MSG em seu corpo. Mas isso é o que acontece quando injetado vacinas.

Timerosal (mercúrio) um composto de metilmercúrio que causa danos severos, permanente para o sistema nervoso. O mercúrio é altamente tóxico para o cérebro. Nunca toque, engolir ou injetar mercúrio em qualquer dose. Não existe uma dose segura de mercúrio, apenas porque o mercúrio não é seguro!
Os médicos muitas vezes são empurrados para mentir e dizer que não há mercúrio em vacinas. Mesmo o CDC (Centros de Controle e Prevenção de Doenças) admite que as vacinas ainda contêm mercúrio (timerosal).

Além disso, os Programas Nacional de Toxicologia apoiados nos seus próprios documentos: pode produzir pequenas mas mensuráveis ​​aumentos nos níveis de mercúrio no relatório de sangue Vista em Inglês.

Infos

De Anónimo a 14.10.2018 às 09:34



Perigos de Thimerosal
Os perigos de timerosal incluem neurotoxicidade e nefrotoxicidade. (Problemas no cérebro e rins)
perfis toxicológicos similares de etilmercúrio e metilmercúrio aumentar a possibilidade de neurotoxicidade também pode ocorrer com baixas doses de timerosal.
Não há diretrizes existentes para a exposição segura ao etilmercúrio, o metabolito de timerosal.
A avaliação constatou que o uso de timerosal como conservante em vacinas seria uma quantidade de mercúrio que excedem os recomendados pela Environmental Protection Agency (EPA) em recém-nascidos durante os primeiros seis meses de padrões de vida.
• Em os EUA e em outros lugares, timerosal ainda está presente como conservante em algumas vacinas dadas às crianças pequenas e outros produtos biológicos recomendados durante a gravidez. Timerosal ainda é administrado um conservante em algumas vacinas para adolescentes e adultos. Além disso, timerosal é ainda usada internacionalmente como um conservante em vacinas.

O relatório também inclui os estudos da FDA de alguma forma se perfeitamente segura. Ele também afirma que os fabricantes de vacinas estão trabalhando para eliminar o timerosal das vacinas, mas, na realidade, ainda é feita diretamente para as vacinas.

A propósito, este relatório também revela que a FDA exige conservantes tais como timerosal apenas em múltiplas chamadas dosisque contêm mais do que uma dose da vacina. As empresas farmacêuticas poderiam, se quisessem produzir vacinas dose única de mercúrio / timerosal. Mas não escolhido porque é mais rentável produto contém mercúrio e vacinas multidose.

Como o relatório admite que conservantes não são necessárias para os produtos feitos no pod, no entanto multidose são preferidos por alguns médicos e clínicas de saúde, como eles são muitas vezes menos caro por dose de vacina e requerem menos espaço de armazenamento. Assim, a razão pela qual seu filho está sendo injetados com a vacina poderia ser reduzida a uma questão de dinheiro e lucros economizando espaço na prateleira.

O que é dito sobre temas controversos como estes: Mercúrio em vacinas é uma teoria da conspiração
Foi-me dito muitos céticos e médico, não existe tal coisa como o mercúrio em vacinas e que tal sugestão não é nada mais do que uma teoria da conspiração louco. Isso só serve para mostrar quão ignorantes são céticos, médicos e profissionais de saúde, porque mostra que eles não têm idéia do que está em vacinas que estão sendo distribuídos para as pessoas. Ou o que é pior ainda, tentar enganar esconder e distorcer a informação pode ser tornada pública.

Tudo que você tem a fazer é visitar o site do CDC sobre os aditivos de vacinas que admite abertamente que estes produtos químicos são utilizados em vacinas agora. Não é uma teoria da conspiração, é o estado actual da produção de vacinas hoje.

E no caso do CDC removido dessa página, aqui está uma imagem, tomada em 22 de Outubro de 2012, mostrando exatamente o que estava na página sobre os aditivos em vacinas: imagem.

Você sente dor de cabeça depois de uma vacinação? Esse é o sentimento de produtos químicos que alimentam o cérebro.

Agora, considere o seguinte: O efeito colateral mais comum de uma vacina é uma dor de cabeça. O CDC admite que mais de 30 por cento das vacinas causar dores de cabeça ou enxaqueca. Pense sobre isso: O que poderia ser em vacinas para causar dores de cabeça, enxaquecas e danos cerebrais?

Como sobre o mercúrio, formaldeído, alumínio e MSG?
Mesmo se você acredita na teoria de vacinas como uma forma útil de preparar o sistema imunológico a reconhecer patógenos, como é que ninguém (especialmente um médico) acha que está tudo bem para injetar os seres humanos com formaldeído mercúrio, glutamato monossódico e alumínio? As vacinas são perigosos para conter tais aditivos.

Infos

De Anónimo a 14.10.2018 às 09:36



A vacina fornecedores argumento é que cada vacina contém apenas uma pequena quantidade destes altamente tóxico, por isso é bom para ser injetado com eles. Mas este argumento tem um erro fatal: crianças americanas estão recebendo mais de vinte tiros antes dos 6 anos de idade, inclusive. Qual é o efeito cumulativo de todas essas vacinas, além de mercúrio das obturações dentárias e alimentos processados? Qual é o efeito do mercúrio injetado em uma criança reprimida imunológico vivendo em um estado de deficiência nutricional crônica?

Os cientistas não sabem a resposta, pois estes estudos não foram realizados. Então fingir que nada de ruim vai acontecer e continuar a empurrar mais e mais crianças tinham vacinas, crianças e até mulheres grávidas. Eles estão jogando roleta russa com as nossas crianças, em outras palavras, expondo-os a cada injeção pode causar uma convulsão, coma, autismo ou morte.

Infos

De Anónimo a 14.10.2018 às 09:40

Uma criança até aos seus 6 anos de idade, recebe toda esta quantidade de ingredientes através das vacinas.


• 17,500 µg 2-Phenoxyethanol (Anti-congelante)
• 5,700 µg Aluminium/Alumínio (Neuro-toxina)
• Quantidades desconhecidas de serum de vaca (Aborto)
• 801,6 µg Formaldehyd/Formaldeído (Carcinogéno, embalsamento)
• 23,250 µg Gelatina (Animal)
• 500 µg Albumina humana (sangue humano)
• 760 µg natrium l-Glutamat/I-Glutamato de sódio (causa adiposidade e diabetes)
• Quantidades desconhecidas de células Mrc-5 (fetos e crianças humanas abortadas)
• Acima de 10 µg Neomycin/Neomicina (Antibiótico/anti-vida)
• Acima de 0,075 µg polymyxin b/polimixine b (Antibiótico)
• Acima de 560 µg polysorbat 80/polisorbato 80 (Carcinógeno)
• 116 µg Cloreto de potássio (Utilizado na injecção letal)
• 188 µg Fosfato de potássio (Fertilizante líquido)
• 260 µg Bicarbonato de soda/sódio (Usado na cozinha entre outros fins)
• 70 µg Borato de soda/sódio (Utilizado no controle de baratas)
• 54,100 µg Cloreto de sódio (Sal de mesa prejudicial)
• Quantidade desconhecida de citrato de sódio/soda (Ingrediente químico utilizado nos alimentos processados/químicos)
• Quantidade desconhecida de hidróxido de sódio/soda (Perigo! Corrosivo)
• 2,800 µg Fosfato de sódio/soda (venenoso para o organismo humano)
• Quantidade desconhecida de Dihydrogen Phosphat-Monohydrat de sódio (Venenoso para qualquer organismo)
• 32,000 µg Sorbitol (Não para injectar)
• 0,6 µg Streptomycin (Antibiótico)
• Acima de 40,000 µg Sacarose (Açúcar)
• 35,000 µg Proteína de fermento (Fungo)
• 5,000 µg Ureia (Lixo metabólico de urina humana)
• Outros resíduos químicos

Infos

De Anónimo a 14.10.2018 às 09:43

Para melhor conhecimento dos leitores, postamos no site www.stop.org.br (link STOP Denúncia) os seguintes artigos: “Farmacêuticas são acusadas de alarmar governos para vender vacinas e remédios contra a gripe suína”, “Cientistas questionam validade da vacina contra gripe suína”, “Vacina contra gripe suína pode causar doença rara”, “Freira (médica) beneditina faz campanha contra a vacina da gripe H1N1”, “Por que somos obrigados por lei a sermos vacinados?”. Postamos ainda uma lista intitulada “Alguns sites e outros documentos com informações científicas contra o uso de vacinas”, contendo 64 websites em inglês, 9 em português, 14 em espanhol, 2 em francês, 7 em sueco, 11 em finlandês, 1 em italiano, 15 em alemão; contém ainda cinco sites que instruem “Como resolver o assunto da obrigatoriedade das vacinas para as crianças nas escolas” – isenção que pode ser conseguida por motivos religiosos, por exemplo; o endereço de 6 ONGS contrárias às vacinas, 74 livros que se opõem à vacinação, bem como uma lista de 8 recentes artigos científicos defendendo a vacinação.

2) Doenças causadas pelas vacinas

Desde muitos anos atrás está cientificamente demonstrado que as vacinas não só não previnem as doenças, mas elas mesmas podem causar as enfermidades que supostamente deveriam prevenir; por exemplo, a vacina Sabin causa a maior parte dos casos de paralisia infantil, segundo admite John Salk, o qual primeiramente a desenvolveu.

Além disso, não há prova convincente alguma que as vacinas tenham feito diminuir ou erradicar moléstias; estatísticas mundiais mostram que todas as doenças, cuja extinção ou diminuição de incidência é atribuída às vacinas, já vinham declinando naturalmente, havia anos; a introdução da vacina não alterou o ritmo da queda para baixo, que se deveu a melhores condições de vida da população, sobretudo na primeira metade do século XX.

Alterações Neuropsíquicas

Entre as doenças atribuídas às vacinas (moléstias iatrogênicas) estão as alterações neuropsíquicas, que são as maiores consequências; no caso das crianças, retardam seu desenvolvimento (elas não falam, não caminham normalmente), ou apresentam deficiência de atenção, hiperatividade, autismo (cuja incidência vem aumentando assustadoramente desde que teve início a vacina tríplice (coqueluche, tétano e difteria), problema atribuído ao timerosal (mercúrio) utilizado como adjuvante). Aqui é bom lembrar que em 1943 começam casos de autismo; desde aquela época cientistas ligam isso ao mercúrio das vacinas – há 70 anos portanto. Também pode haver: morte súbita de berço, choro incontrolável (há bebês que morrem de tanto chorar continuamente, sem conseguirem parar); esquizofrenia, paralisia cerebral, alterações do sistema imunológico, epilepsia, dislexia, alterações imunológicas, aumento da violência juvenil, crimes e suicídios.

Infos

De Anónimo a 14.10.2018 às 09:47

Síndrome de Guillain-Barré

A vacina da gripe suína pode provocar uma doença neurológica grave, a síndrome de Guillain-Barré, que causa paralisia, insuficiência respiratória e pode levar à morte, alertou o Governo britânico, através da Agência de Proteção da Saúde (Health Protection Agency) em carta confidencial aos neurologistas do país (fato noticiado pelo Correio da Manhã (Portugal), dia 17 de setembro de 2009, com o título “Vacina da gripe A pode ser fatal”).

O Ministério da Saúde do Brasil admitiu em nota que “no Brasil, a possibilidade de ocorrência da síndrome em virtude da vacina, ainda que esta seja rara, será monitorada em parceria com as secretarias estaduais e municipais”; o médico Osvaldo Nascimento, professor de Neurologia da Universidade Fluminense, disse que a ocorrência da síndrome está associada a algumas vacinas; e que recebeu comunicado da Academia Americana de Neurologia alertando para o possível aumento dos casos da síndrome devido à vacinação contra a gripe suína”

Suíça: Mortes e Efeitos Graves

Na Suíça, cinco das sete pessoas mortas em decorrência da gripe suína, morreram depois de terem sido vacinadas; também foi registrada a morte de dois fetos no útero após suas mães receberem a vacina; em pouco mais de um mês de campanha de vacinação, foram detectados 197 casos de efeitos secundários da vacina: 44 casos de "uma reação grave e conhecida", prevista na bula do remédio; 28 casos de "efeitos secundários com reação grave e desconhecida", entre elas cinco perdas de consciência após a vacinação e um caso de convulsões. A metade dos 197casos, segundo a Swissmedic, "não é atribuível à vacina" (o que significa que a outra metade...o é, ou pode ser...).

França: Governo Recua

Na França, o governo francês cancelou em janeiro a encomenda de 50 milhões de doses de vacinas contra a gripe A, no valor de 712 milhões de euros, anunciou a ministra da Saúde, Roselyne Bachelot, à rede de televisão TF1, porque o governo francês enfrentou uma onda de críticas relacionadas à compra de vacinas , o que motivou, inclusive, uma demanda de investigação parlamentar.

Perigo do Alumínio: miofascite macrofágica

Na verdade, há décadas, renomados cientistas advertem para os perigos crescentes desses produtos. O dr. Marc Vercoutère, no artigo “O alumínio contido nas vacinas provoca doenças graves” afirma o seguinte: “Considerado um adjuvante que estimula a resposta imunológica, o alumínio entra na composição de 25 vacinas habitualmente usadas na França, principalmente contra a difteria, o tétano, a poliomielite e as hepatites A e B. Uma patologia emergente, prejudicial, que não pára de crescer – a miofascite macrofágica, possivelmente desencadeada por vacinas contendo hidróxido de alumínio – foi descrita pelo Prof. Romain Ghérardi, do hospital Henri-Mondor de Cretéil.”

“Recém-nascidos recebem: 20
vezes a dose tóxica de alumínio”

Sobre o mesmo assunto, Philipe Champagne, no artigo “A respeito das vacinas” afirma: “O alumínio é, como muitos metais, um perigo para o organismo. Estudos sobre seus efeitos na alimentação demonstram isso claramente e foram estabelecidos limites de toxidez. Mesmo assim, em nome de uma lei que impõe a vacinação, o comum dos mortais se vê obrigado a inocular seus recém-nascidos com doses muito mais elevadas de alumínio (...) Cada inoculação representa mais de 20 vezes a dose tóxica! Existem médicos que estão conscientes do perigo das vacinas. Eles não vacinam seus filhos e fazem atestados falsos para não terem problemas. Fazem a mesma coisa para alguns clientes em que confiam. Um médico responsável por um centro de saúde, (...) consciente do perigo das vacinações, procura poupar seus próprios filhos, ao passo que submete todas as famílias da localidade à aplicação da lei. Ele prefere se calar e vive o inferno de uma contradição permanente.”

Infos

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.



A farmácia é a natureza !


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sabedoria

"Aqueles que pensam que não têm tempo para cuidar de si e da sua alimentação, mais cedo ou mais tarde terão de encontrar tempo para a doença."

Publicidade: Desintoxicar


Mais sobre mim

foto do autor




Mensagens






Sabedoria ancestral

Paracelsus: "O que cura é o amor."


Atenção: Este blogue, não visa substituir o seu técnico de saúde de sua confiança!

As informações contidas neste blogue não substitui de forma alguma a consulta de um profissional de saúde de sua confiança. Consulte sempre o seu profissional de saúde sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e bem-estar, bem como os seus tratamentos e outros. Embora sejam tomados cuidados para as informações contidas neste blogue estejam correctas, algumas informações nos artigos deste blogue podem conter erros dos mais variados aspectos, pelo qual este blogue não se responsabiliza de nenhuma forma. Somente uma visita física ao seu técnico de saúde lhe pode fornecer as informações e cuidados que melhor se adequam a si/vc. As informações contidas neste blogue não se destinam a serem usadas como um substituto ou aconselhamento profissional. Quaisquer dúvidas ou preocupações que você tenha sobre sua saúde devem ser discutidas com seu técnico de saúde. Por favor, note que a informação sobre a saúde está a mudar constantemente. Portanto, algumas informações podem estar desactualizadas. Os comentários publicados são da responsabilidade dos seus autores e dos leitores que dele fizerem uso. Os comentários não reflectem a opinião do blogue. Ao visitar este blogue você concorda com estes termos.

BPT


Partida de uma anjinha

Com saudade lembrando que ela fazia parte de EQUIPA. Paz a sua alma e espirito.