Publicidade: Conhece o LIV 52 para o figado?

Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



 

Após 17 anos de análises, a Justiça francesa deliberou o fim das investigações a uma vacina contra a hepatite B, que "supostamente" estaria envolvida no surgimento de doenças neurológicas, como a esclerose múltipla.

A decisão do juiz de instrução está em conformidade com os requisitos dos promotores: que concluíram a ausência de "causalidade" entre a vacinação contra a hepatite B e o aparecimento destas doenças, não retendo "falta de imprudência ou negligência" dos acusados.

A origem do caso remonta a uma vasta campanha lançada pelo governo francês em 1994, visando vacinar mais de 20 milhões de franceses contra a hepatite B, um vírus que aumenta o risco de cirrose ou cancro do fígado.

No entanto, registaram-se casos de esclerose múltipla ou outras doenças neurológicas em vacinados, alimentando dúvidas sobre a inocuidade da vacina.

O caso contribuiu, entre outros fatores, para o desenvolvimento do movimento anti-vacina em França, com as autoridades de saúde do país a registarem uma crescente relutância na vacinação infantil.

A desconfiança da população em relação às vacinas em geral aumentou de 10% em 2005 para 40% em 2010, segundo o Instituto Nacional de Prevenção e Educação em Saúde daquele país.

 

Nota: Curioso, a larga maioria dos médicos, segundo alguns estudos, são os que mais se recusam a vacinarem-se!

 

Fontes:

Ciberrede

zentrum der gesundheit

sapo.cv

 

Que o teu alimento seja o teu único medicamento! Hipócrates - Pai da Medicina

Autoria e outros dados (tags, etc)




3 comentários

De Ricardo Martins a 21.03.2016 às 15:47

Eu acho que as vacinas são ainda mais perigosas que os telemóveis.

De Ana M. Coutinho a 21.03.2016 às 22:56

Os meus pais e meus avós sempre disseram e dizem que as vacinas são boas para os rebanhos.
Nenhuma de nós se deixou vacinar e meus filhos eu nunca deixei vacinar, nem que a vaca tussisse.
Estamos em caso todos convencidos há muito que as vacinam matam e não nos defendem de nada e vejo e vi sempre na escola que eram os fedelhos dos pais ignorantes e casmurros que andavam vacinados mas constantemente doentes ao contrário dos meus não vacinados que tinham de levar com a trampa dos fedelhos vacinados.

De Rinolti Sepulveda a 10.04.2016 às 23:48

Nosso planeta está testemunhando a violência de forma nunca experimentada antes. A Mãe Terra e suas criaturas estão chorando do abuso empilhado sobre eles. Os resultados cármicos estão aí para todos verem - a violência do homem contra o homem.
Em 1984, o censo das ovelhas ocorrido na Índia, pelo menos 20% do rebanho estava contaminado com Scrapie. Os Indus, que também comem esta carne, também comem o cérebro deste animal - como uma iguaria. Além disto, a vacina antirábica é desenvolvida, em laboratório, em cérebros de ovelhas, de onde é extraído e dado às pessoas como vacina.

Quantas mortes pela doença das "vacas loucas" nós temos que ter por comer cérebros e tomar a vacina antirábica ninguém se importa. Há um pacto não escrito no mundo da Alopatia que as vacinas não podem ser "culpadas" por qualquer coisa errada - o que está acontecendo com este mercado multi-bilionário de vacinas? Em países do terceiro mundo, mulheres grávidas são vacinadas duas vezes contra tétano - uma vez no início da gravidez quando os órgãos do feto estão sendo formados e outra antes do parto! Há uma agenda escondida aqui? É conhecimento comum que a vacina de tétano é válida por dez anos - assim como é possível que uma mulher grávida tenha que ser vacinada duas vezes durante sua gravidez? A vacina de tétano é um "transporte" para esta agenda escondida? Quando será que o mundo Ayurvédico e a Homeopatia terão alguma iniciativa coletiva e coordenada para fazer lobby pelo povo?
É importante recordar que nós desenvolvemos alergias somente quando nosso sistema imunológico está baixo. Vacinas comprometem nosso Sistema Imunológico. Anticorpos de valor se agregam a antígenos estranhos sendo injetados na corrente sanguínea através das vacinas. Com muito de nosso sistema imunológico comprometido com um punhado de germes, nosso corpo é deixado, virtualmente, desprotegido para ser, então, vencido por outras doenças. Em crianças, as vacinas podem causar a transformação do forro dos intestinos, tornando-os sensíveis e inflamados e estas crianças, então, irão desenvolver alergias severas à leite, glúten e muitas outras substâncias. O nível de toxidade sobe tanto no corpo que as alergias se desenvolvem.
Uma alergia é um gentil lembrete de nosso "radar" ou sistema de alerta, de que uma falência total da saúde está próxima. Anti-histamínicos, que são usualmente ingeridos por pessoas "alérgicas", somente conseguem fechar o "radar" que o corpo usa para alertar-nos.
Shakti

Comentar post



A farmácia é a natureza !


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sabedoria

"Aqueles que pensam que não têm tempo para cuidar de si e da sua alimentação, mais cedo ou mais tarde terão de encontrar tempo para a doença."

Publicidade: Desintoxicar


Mensagens


Mais sobre mim

foto do autor








Sabedoria ancestral

Paracelsus: "O que cura é o amor."

Atenção: Este blogue, não visa substituir o seu técnico de saúde de sua confiança!

As informações contidas neste blogue não substitui de forma alguma a consulta de um profissional de saúde de sua confiança. Consulte sempre o seu profissional de saúde sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e bem-estar, bem como os seus tratamentos e outros. Embora sejam tomados cuidados para as informações contidas neste blogue estejam correctas, algumas informações nos artigos deste blogue podem conter erros dos mais variados aspectos, pelo qual este blogue não se responsabiliza de nenhuma forma. Somente uma visita física ao seu técnico de saúde lhe pode fornecer as informações e cuidados que melhor se adequam a si/vc. As informações contidas neste blogue não se destinam a serem usadas como um substituto ou aconselhamento profissional. Quaisquer dúvidas ou preocupações que você tenha sobre sua saúde devem ser discutidas com seu técnico de saúde. Por favor, note que a informação sobre a saúde está a mudar constantemente. Portanto, algumas informações podem estar desactualizadas. Os comentários publicados são da responsabilidade dos seus autores e dos leitores que dele fizerem uso. Os comentários não reflectem a opinião do blogue. Ao visitar este blogue você concorda com estes termos.


BPT