BIO!

Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A OMS e cientistas da Universidade da Colúmbia Britânica alertaram que drogas farmacêuticas com o composto benzodiazepina causam abstinência e dependência

Foto: psicanaliseonline

 

O uso indiscriminado de drogas farmacêuticas para sono e ansiedade – como Rivotril, Valium, Xanax e Ativan – causa risco de morte maior do que o uso de drogas como cocaína e heroína. A conclusão é de duas pesquisas publicadas no American Journal of Public Health.

Cientistas descobriram um componente em especial é o maior problema: a benzodiazepina (BZD). O primeiro estudo, da Universidade da Colúmbia Britânica (UBC), de Vancouver, no Canadá, mostrou que o consumo excessivo de benzodiazepinas causa risco de morte 1,86 vezes maior do que o uso de drogas ilegais.

 

O levantamento foi feito com 2.802 participantes usuários de benzodiazepinas, entrevistados semestralmente durante cinco anos e meio. Ao final do estudo, 18,8% do grupo morreu. Os pesquisadores observaram que mesmo depois de isolar outros factores, como o uso de drogas ilegais e comportamentos de alto risco, a taxa de mortalidade permaneceu alta entre os usuários do composto.

Um segundo estudo realizado com uma parte menor do mesmo grupo examinou a ligação entre o uso de benzodiazepina e a infecção por hepatite C, e descobriram que a taxa de infecção foi 1,67 vezes maior os que usaram drogas farmacêuticas à base do composto.

 

“O interessante sobre isso é que é uma droga prescrita e as pessoas pensam que estão seguras.  Mas, provavelmente, estamos prescrevendo essas drogas de uma maneira que está causando danos”, disse o cientista  Keith Ahamad ao jornal Vancouver Sun.

 

Um relatório da Organização Mundial da Saúde (OMS) alerta que a benzodiazepina só deve ser prescrita para tratar “ansiedade ou insônia grave, incapacitante, que cause angústia extrema”. A entidade recomenda que os médicos levem em conta que o composto causa dependência e síndrome de abstinência – por isso, deve ser usada em dose eficaz mínima e durante o menor tempo possível.

 

Nota bene:

Remédios naturais que ajudam no caso da insónia,  a camomila, a valeriana.

Dormir pouco aumenta a depressão e a tristeza, dizem os cientistas.

Investigadores comprovaram que os óleos essenciais de lavanda/alfazema e laranja são relaxantes e ajudam a combater os problemas de sono e as insónias.

 

Temas relacionados:

O sono e os chás / tisanas

Calmantes: Explosão de mortes nos EUA

Tomar fármacos para dormir duplica risco de Alzheimer

Para dormir bem

Insecticidas imitam melatonina: Risco de diabetes e insónia

Estresse: Faz despertar ao meio da madrugada

Quem trabalha por turnos...

Insónia: Importante rede cerebral pode estar em disfunção

Ritalina: Droga legal ameaça futuro das crianças

O açúcar e afins: Veneno para a saúde

-  Álcool e vícios: Mulher tem mais dificuldade que o homem

Dormir: Mais importante do que a dieta e exercício físico para ter boa saúde

Portugal: Taxa catastrófica de suicídio vs sarampo

Crianças em Portugal: Ensino privado tem 80% de dependentes de drogas farmacêuticas

Manter a saúde emocional e mental

O ocidente depressivo e com distúrbios mentais

Antidepressivo aumenta o risco de suicídio em 800% !

Ansiedade em jovens afecta a pele e a depressão o estômago

Atenção! Estudo confirma tomar anti-depressivos induz ao suicídio

Os florais de Dr. Bach, para que servem?

Magnésio: Para que serve? Carências e doenças relacionadas

Fármacos! O Marketing da Loucura: A verdade sobre drogas psicotrópicas (vídeo)

Aviso: Os antidepressivos podem matar

Erva de S. João/Hipericão/Hypericum perforatum, esta planta incomoda também as farmacêuticas

Toma antidepressivos? Então saiba que...

Os fármacos podem matar

Farmacêuticas não visam a cura, mas a dependência, diz Nobel da Medicina

Sabe como funciona a indústria da doença?

Síndroma de Pôr do Sol: Influencia comportamento de pessoas com Alzheimer

Psiquiatra afirma que antidepressivos não são tão eficazes

Quando as drogas farmacêuticas matam: Médicos contra a indústria farmacêutica

Para onde caminha a ciência e a medicina no ocidente?

Depressão: Cogumelos "mágicos" ajudam a combater a depressão

 

Fonte:

Notícias Naturais

Que o teu alimento seja o teu único medicamento! Hipócrates - Pai da Medicina

Autoria e outros dados (tags, etc)

Alimentos biológicos e com vitalidade = saúde !





A farmácia é a natureza !


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sabedoria

"Aqueles que pensam que não têm tempo para cuidar de si e da sua alimentação, mais cedo ou mais tarde terão de encontrar tempo para a doença."

Publicidade: Desintoxicar


Mais sobre mim

foto do autor




Mensagens




Sondagem

Confia na ciência-médica?
 
pollcode.com free polls


Sabedoria ancestral

Paracelsus: "O que cura é o amor."


Atenção: Este blogue, não visa substituir o seu técnico de saúde de sua confiança!

As informações contidas neste blogue não substitui de forma alguma a consulta de um profissional de saúde de sua confiança. Consulte sempre o seu profissional de saúde sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e bem-estar, bem como os seus tratamentos e outros. Embora sejam tomados cuidados para as informações contidas neste blogue estejam correctas, algumas informações nos artigos deste blogue podem conter erros dos mais variados aspectos, pelo qual este blogue não se responsabiliza de nenhuma forma. Somente uma visita física ao seu técnico de saúde lhe pode fornecer as informações e cuidados que melhor se adequam a si/vc. As informações contidas neste blogue não se destinam a serem usadas como um substituto ou aconselhamento profissional. Quaisquer dúvidas ou preocupações que você tenha sobre sua saúde devem ser discutidas com seu técnico de saúde. Por favor, note que a informação sobre a saúde está a mudar constantemente. Portanto, algumas informações podem estar desactualizadas. Os comentários publicados são da responsabilidade dos seus autores e dos leitores que dele fizerem uso. Os comentários não reflectem a opinião do blogue. Ao visitar este blogue você concorda com estes termos.

BPT