BIO!

Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A tradicional broa de milho, um item simbólico da gastronomia regional portuguesa, está a ser feita em parte com milho geneticamente modificado, sem que o consumidor tenha disso qualquer conhecimento.

Análises a amostras recolhidas nalguns pontos do país revelam que nos distritos de Braga, Porto e Viana do Castelo há broa com milho transgénico em quantidades que obrigam a uma rotulagem específica, dizendo que o produto contém organismos geneticamente modificados (OGM).

Mas não há rotulagem, nem as panificadoras parecem saber que na farinha que usam há uma dose de milho cujos genes foram artificialmente modificados.

O Ministério da Agricultura e do Mar está a investigar esta situação, a primeira do género a ser detectada desde a aprovação de legislação sobre a rotulagem de produtos transgénicos em Portugal, em 2004.

O caso foi revelado no âmbito de uma projecto cientifico europeu, o programa Price, envolvendo vários países e destinado a avaliar se as medidas para manter OGM e não-OGM separados são eficazes, quando isto é necessário.

Segundo a legislação europeia, qualquer produto que tenha na sua composição mais de 0,9% de material transgénico tem de ter no seu rótulo ou no expositor onde está a ser vendido a mensagem: “Este produto contém organismos geneticamente modificados”.

Em 16 amostras de broas de milho avaliadas por investigadores da Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Santarém, sete superavam aquele limite. A percentagem de OGM nas broas chegava a 5% no distrito do Porto, 10% em Viana do Castelo e 12% em Braga.

Portugal é um dos poucos países europeus onde se planta milho transgénico. Em 2014, foram cultivados cerca de 8500 hectares, uma pequena fatia (6%) da área total de milho no país. Na UE, a maior área de milho transgénico está em Espanha, onde cerca de 140 mil hectares foram cultivados em 2013.

Toda a produção nacional de milho transgénico vai para a alimentação animal, segundo Paula Carvalho. Mesmo o milho modificado que é importado pela UE tem sido quase todo utilizado para rações,  dado que a indústria alimentar europeia genericamente recusa os produtos com OGM, com medo de uma reacção negativa dos consumidores. “O que possivelmente poderá acontecer é que milho importado para rações entrem nessa fileira [que vai dar à broa]”, avalia também a investigadora Fátima Quedas.

 

Caso queira ler sobre os perigos dos transgénicos e OGM para o nosso ADN, clique aqui

 

Fonte:

Público

Que o teu alimento seja o teu único medicamento! Hipócrates - Pai da Medicina

Autoria e outros dados (tags, etc)

Alimentos biológicos e com vitalidade = saúde !





A farmácia é a natureza !


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sabedoria

"Aqueles que pensam que não têm tempo para cuidar de si e da sua alimentação, mais cedo ou mais tarde terão de encontrar tempo para a doença."

Publicidade: Desintoxicar


Mais sobre mim

foto do autor




Mensagens






Sabedoria ancestral

Paracelsus: "O que cura é o amor."


Atenção: Este blogue, não visa substituir o seu técnico de saúde de sua confiança!

As informações contidas neste blogue não substitui de forma alguma a consulta de um profissional de saúde de sua confiança. Consulte sempre o seu profissional de saúde sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e bem-estar, bem como os seus tratamentos e outros. Embora sejam tomados cuidados para as informações contidas neste blogue estejam correctas, algumas informações nos artigos deste blogue podem conter erros dos mais variados aspectos, pelo qual este blogue não se responsabiliza de nenhuma forma. Somente uma visita física ao seu técnico de saúde lhe pode fornecer as informações e cuidados que melhor se adequam a si/vc. As informações contidas neste blogue não se destinam a serem usadas como um substituto ou aconselhamento profissional. Quaisquer dúvidas ou preocupações que você tenha sobre sua saúde devem ser discutidas com seu técnico de saúde. Por favor, note que a informação sobre a saúde está a mudar constantemente. Portanto, algumas informações podem estar desactualizadas. Os comentários publicados são da responsabilidade dos seus autores e dos leitores que dele fizerem uso. Os comentários não reflectem a opinião do blogue. Ao visitar este blogue você concorda com estes termos.

BPT


Partida de uma anjinha

Com saudade lembrando que ela fazia parte de EQUIPA. Paz a sua alma e espirito.