BIO!

Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



 

Não é novidade. A artrodese lombar, cirurgia que prende a coluna, atrapalha mais do que ajuda os doentes com dor lombar. Prender a coluna com vigas e parafusos traz consequências desastrosas, endurece o corpo e enfraquece os músculos.

Um estudo publicado em um dos principais jornais científicos do mundo mostrou que fazer a cirurgia de "artrodese lombar" não ajuda os pacientes a longo prazo. Ao final de 2 anos e 5 anos, os resultados em relação a melhora das funções foi o mesmo, mostrando que a incapacidade moderada não mudava ao longo do tempo e era praticamente a mesma das pessoas que não operavam.

E porque a artrodese também não ajuda a curto prazo?

O paciente é mal orientado e mal assistido no pós operatório, fica perdido, recebe restrições e proibições que aumentam a incapacidade sem menor necessidade. O retorno as actividades que deveria ser precoce bate de frente com a falta de conhecimento dos cirurgiões, que levam o paciente a mais incapacidade, repouso e a iatrogenias.

Sem contar a fibrose ao redor dos nervos que não tem reversão, podendo causar algo que não tinha antes: dor dos nervos.

Por isso, fugir da artrodese é mais que uma obrigação, é um dever.

Sempre procure um tratamento conservador antes de qualquer decisão. A saúde da sua coluna agradece.

A artrodese tem seu espaço nas doenças graves, mas longe da dor.

 

Nota:

A medicina alopática ainda continua a tratar o ser humano como se ele fosse uma máquina! E assim os resultados não podiam ser senão medíocres.

 

Fontes:

Artur Padão Dorterapeuta

 

Que o teu alimento seja o teu único medicamento! Hipócrates - Pai da Medicina

Autoria e outros dados (tags, etc)

Alimentos biológicos e com vitalidade = saúde !




4 comentários

De Alvaro Lopes a 12.12.2017 às 21:35

Boa noite. Fui submetido a artrodese L5 S1 pois tinha espondilolistese istmica. A vertebra já não tinha fixação ( fratura pares articulares) e às vezes bastava um movimento mal feito e ficava cheio de dores e até ficava 5 dias de cama pois não conseguia sequer andar. Não tive alternativa pois tinha feito fisioterapia e não resultou. É um bocado complicado pois começou em 2014 como acidente de trabalho e se a seguradora tivesse agido corretamente, não tinha sido operado em março deste ano. Durante dois anos agravei minha condição sem me aperceber e quando tive recaída já foi tarde. Não tenho crises mas tenho sempre dor...e acho que terei sempre.

De Anónimo a 05.02.2018 às 11:15

Eu tinha fortes dores em 2013 que nem as drogas farmaceuticas faziam nenhum efeito e comecei como urinoterapia e ainda hoje faço com regularidade e não estou arrependida

De Alvaro Lopes a 05.02.2018 às 14:32

Acredito que a urinoterapia seja bom, mas é óbvio que custa assimilar o facto de consumir a nossa própria urina. O ser humano é capaz de tudo...daí ter sobrevivido milhares de anos. Mas para mim beber urina, é como se me dissessem para comer carne de gato...algo impensável para mim. Não me sinto preparado para esse passo. Talvez mudar de estilo de vida, ou alimentação do género, mais legumes, mais água, mais exercício etc, isso conseguiria.

De Anónimo a 06.02.2018 às 06:59

A Urinoterapia não é boa ela é muito boa e tinha tanta dor que pensei em suicidio. Nem as porcarias das drogas farmaceuticas tinham efeito nenhum nada de nada zero. Operar e eu podia ainda ficar pior do que já estava e quando me falaram em beber a própria urina não pensei três vezes e hoje não me arrependo e foi graças a ela que estou viva.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.



A farmácia é a natureza !


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sabedoria

"Aqueles que pensam que não têm tempo para cuidar de si e da sua alimentação, mais cedo ou mais tarde terão de encontrar tempo para a doença."

Publicidade: Desintoxicar


Mais sobre mim

foto do autor




Mensagens






Sabedoria ancestral

Paracelsus: "O que cura é o amor."


Atenção: Este blogue, não visa substituir o seu técnico de saúde de sua confiança!

As informações contidas neste blogue não substitui de forma alguma a consulta de um profissional de saúde de sua confiança. Consulte sempre o seu profissional de saúde sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e bem-estar, bem como os seus tratamentos e outros. Embora sejam tomados cuidados para as informações contidas neste blogue estejam correctas, algumas informações nos artigos deste blogue podem conter erros dos mais variados aspectos, pelo qual este blogue não se responsabiliza de nenhuma forma. Somente uma visita física ao seu técnico de saúde lhe pode fornecer as informações e cuidados que melhor se adequam a si/vc. As informações contidas neste blogue não se destinam a serem usadas como um substituto ou aconselhamento profissional. Quaisquer dúvidas ou preocupações que você tenha sobre sua saúde devem ser discutidas com seu técnico de saúde. Por favor, note que a informação sobre a saúde está a mudar constantemente. Portanto, algumas informações podem estar desactualizadas. Os comentários publicados são da responsabilidade dos seus autores e dos leitores que dele fizerem uso. Os comentários não reflectem a opinião do blogue. Ao visitar este blogue você concorda com estes termos.

Partida de uma anjinha

Com saudade lembrando que ela fazia parte de EQUIPA. Paz a sua alma e espirito.