BIO!

Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O mapa de consumo de álcool em todo o mundo coloca a Rússia e outros países europeus (França e Portugal)  na liderança. Sem surpresa, os países do Oriente Médio e norte de África são os que bebem menos.

 

Jovens portugueses começam a beber, em média, a partir dos 13 anos, o que os torna potenciais alvo de vários problemas.
 
Os 13 anos são a idade média em que os jovens começam a beber álcool e, se o consumirem frequentemente até à maioridade, o risco de dependência aumenta em 50%, avisou um especialista português.
O hepatologista Rui Tato Marinho tem desenvolvido um projecto-piloto de sensibilização de jovens para os perigos do consumo do álcool, mostrando que o retrato-tipo do trabalhador rural como alcoólico se alterou em Portugal.

«O tipo de alcoolismo actual é mais grave. Beber muito num curto período de tempo principalmente ao fim-de-semana – e ao qual surgem associados a violência, os acidentes rodoviários e o sexo desprotegido com desconhecidos.
A própria Organização Mundial de Saúde aponta o consumo excessivo de álcool como factor de risco para a infecção da sida», sublinhou. «Temos de pensar por que é que temos quatro vezes mais infecções de sida do que a Espanha. Talvez estes comportamentos dos jovens sejam parte da explicação», avançou, lembrando que o consumo de 10 shots equivale a três litros de cerveja.
O presidente da Associação Portuguesa para o Estudo do Fígado comentou ainda que o consumo de shots «dá maiores lucros económicos e faz parte de uma teia de interesses que faz mal à saúde».

O problema é conhecido: o consumo de álcool pelos adolescentes não tem diminuído. Os pais preocupam-se com a questão, mas têm muita dificuldade em traçar limites e dizer “não”. Para os jovens, consumir álcool nas saídas à noite é um ritual a que dizem não poder faltar.

Há poucos anos, a revisão da lei em Portugal continuava a permitir o consumo de cerveja e vinho a partir dos 16 anos, enquanto as bebidas destiladas só eram permitidas depois da maioridade. Estudos mais recentes mostraram a ineficácia desta decisão, porque o consumo não baixou e até pode ter criado a ideia de um álcool “bom” e um álcool “mau”, o que não faz sentido para os especialistas.

Propõe-se agora que a diferença acima referida seja anulada e todas as bebidas alcoólicas só sejam permitidas depois dos 18 anos. Na União Europeia, 18 dos 27 países já fixaram este limite da maioridade.

O álcool nos jovens, é também um dos factores responsáveis para o aparecimento de hepatite. Problemas com o colesterol é outra das consequências. Segundo recentes estudos, o álcool na juventude tende a provocar osteoporose mais tarde.

 

Nota:

Porque os países latinos não promovem, à semelhança de países do norte e centro da Europa, onde há mais de 30 anos a cerveja sem álcool  é uma realidade? Vinho sem álcool é já também uma realidade nessas regiões da Europa, menos nos países latinos.

 

Fontes:

Adolescência, álcool e drogas

Público

sputnik

 

 

Que o teu alimento seja o teu único medicamento! Hipócrates - Pai da Medicina

Autoria e outros dados (tags, etc)

Alimentos biológicos e com vitalidade = saúde !



Pág. 33/33



A farmácia é a natureza !


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sabedoria

"Aqueles que pensam que não têm tempo para cuidar de si e da sua alimentação, mais cedo ou mais tarde terão de encontrar tempo para a doença."

Publicidade: Desintoxicar


Mais sobre mim

foto do autor




Mensagens






Sabedoria ancestral

Paracelsus: "O que cura é o amor."


Atenção: Este blogue, não visa substituir o seu técnico de saúde de sua confiança!

As informações contidas neste blogue não substitui de forma alguma a consulta de um profissional de saúde de sua confiança. Consulte sempre o seu profissional de saúde sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e bem-estar, bem como os seus tratamentos e outros. Embora sejam tomados cuidados para as informações contidas neste blogue estejam correctas, algumas informações nos artigos deste blogue podem conter erros dos mais variados aspectos, pelo qual este blogue não se responsabiliza de nenhuma forma. Somente uma visita física ao seu técnico de saúde lhe pode fornecer as informações e cuidados que melhor se adequam a si/vc. As informações contidas neste blogue não se destinam a serem usadas como um substituto ou aconselhamento profissional. Quaisquer dúvidas ou preocupações que você tenha sobre sua saúde devem ser discutidas com seu técnico de saúde. Por favor, note que a informação sobre a saúde está a mudar constantemente. Portanto, algumas informações podem estar desactualizadas. Os comentários publicados são da responsabilidade dos seus autores e dos leitores que dele fizerem uso. Os comentários não reflectem a opinião do blogue. Ao visitar este blogue você concorda com estes termos.

BPT


Partida de uma anjinha

Com saudade lembrando que ela fazia parte de EQUIPA. Paz a sua alma e espirito.