Publicidade: Quase toda a mulher sofre de anemia! Se sente cansada, tome Floradix com ferro

Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



O número de pessoas internadas depois de tomar a vacina contra gripe em um mesmo posto de saúde de Curitiba chegou a quatro.

Terezinha Penkal, de 66 anos, foi a última a apresentar reação. Ela está internada um hospital particular.
"Desde que ela tomou a vacina, sempre teve dor. Inchou muito o braço, o braço e até o punho", conta o filho dela, Cleverson Penkal.

Além dela, outros 3 idosos que tomaram a vacina no dia 27 de abril, na Unidade de Saúde Medianeira, estão internados; um deles em estado grave. Os casos estão sendo investigados pela Secretaria Municipal de Saúde.

"Mais uma pessoa. Então, se confirmou a relação: a mesma unidade, a mesma data e os sinais de infecção", explica a superintendente de Vigilância e Saúde de Curitiba, Juliane Oliveira.
Depois que os pacientes apresentaram reação, a unidade de saúde foi fechada. Um processo administrativo apura as responsabilidades sobre o que aconteceu.
A investigação analisa desde o processo de armazenamento das doses até a aplicação da vacina nos pacientes.
A secretaria de Saúde garante que a "vacina é segura" e que os casos são pontuais. Quem tomou a vacina precisa ficar atento à dor e à vermelhidão no local onde a dose foi aplicada. Reações como febre, mal-estar" são comuns e passam depois de dois dias".
"O que não é normal é que esses sinais continuem e aumentem", acrescenta Juliana.
Quem precisa de atendimento na unidade fechada está sendo encaminhado pra outros quatros postos de saúde da região. A campanha vacinação continua até o dia 26 de maio. Quase 200 mil pessoas já se vacinaram em Curitiba.

 

Obs.:

Aumentam os casos graves de sequelas em pessoas vacinadas, por todo o mundo.

 

Temas relacionados:

Portugal e a vacinação: 48% dos infectados são profissionais de saúde

Resutados de análises sobre conteúdo das vacinas

Vacina: Dobro de mortes entre crianças vacinadas em relação às não vacinadas

Cientista: A vacina contra VPH/HPV é uma fraude

As epidemias não desapareceram devido à vacinação

Vacinas: Demasiadas contêm o pesticida cancerígeno glifosato

Estudo oficial: crianças que não são vacinadas são mais saudáveis

Síndrome de Guillain-Barré

Presidente Putin: OGM e vacinas ameaçam a evolução da humanidade

EUA: 145.000 crianças morreram devido às vacinas

Vacina VPH: 3.000 japonesas metem governo e farmacêuticas em tribunal

Ciência/medicina/farmacêuticas: Não conseguem provar e andam a enganar-nos (vídeos)

Frutos e legumes biológicos funcionam como boas vacinas

Crianças morrem após vacinação

A farsa das vacinas/vacinação

Alerta: Programa Nacional de Vacinação 2017; Terrorismo de Estado ?

Infarmed: Pede atenção a eventuais reacções adversas à nova vacina

Vacina para HPV: Adolescente desmaia diariamente 8 vezes e tem narcolepsia

Vacinação: Lavagem cerebral

Mito: Vacinação garante imunidade

Epidemias, autismo e vacinas: A indústria farmacêutica fabrica e factura

Vacinação: H1N1 contamina os vacinados com SIDA/AIDS !

Estudo: O vírus Zika não é a causa da microcefalia mas sim vacinas

França: Suspendida vacina suspeita de causar doenças

O vírus do sarampo não existe?

Tribunal da Rep. Checa decide pela liberdade de os pais não vacinarem os filhos

Vacinas: Médicos indianos apresentam queixa-crime contra Bill Gates

Ainda acha que a indústria farmacêutica e as vacinas são benéficas ?!

Médicos e farmacêuticos: Estudos sobre as vacinas são medíocres

Afinal a vacina da gripe não protege o adulto !

"Gardasil®, vacina mortal?"

Os perigos da vacinação!

 

Fonte:

g1.globo

Autoria e outros dados (tags, etc)

Alimentos biológicos e com vitalidade = saúde !

Que o teu alimento seja o teu único medicamento! Hipócrates

Países latinos livres de vacinas!

Paracelsus: "O que cura é o amor."


8 comentários

De José Guarda a 24.05.2017 às 16:02

Eu sempre desconfiei das vacinas e que nos faziam muito mal e vi isso no meu filho que desde que tomou uma vacina começou logo a mostrar sinais de autismo.
A meu ver todas as vacinas deviam ser proibidas todas sem exclusão pois todas podem provocar danos graves nos nossos filhos.

De Gabriel Matos a 24.05.2017 às 16:27

Eu já vi na minha família demasiados casos negativos depois da vacinação e mostrou-me que as vacinas não protegem e dão efeitos secundários demasiado graves e um dos meus sobrinhos morreu.
As vacinas são um grande negócio por nossa conta mas são uma treta e não protegem da doença.

De Sonia Tereza a 24.05.2017 às 18:22

Ainda bem que existe a sua página para podermos ser informados e bem e dou os meus parabéns por ser praticamente o único blogue português que informa as pessoas sobre os efeitos adversos das vacinas.Deixei de comprar o Expresso, o DN, o JN e outros diários, deixei também de ver Telejornais precisamente por nos mentirem sobre a vacinação. Deixei de confiar na vulgar comunicação social.Foi realmente o seu blog e outras particularidades das doenças dos miúdos num jardim infantil onde trabalhei que comecei a ficar bem informada, no jardim infantil vi perfeitamente que as crianças vacinadas estavam sempre doentes ao contrário das crianças que não eram vacinadas.Por isso posso dizer com toda a segurança, queridos pais não deixem vacinar os vossos filhos, o que eu assisti durante anos comprovou a ineficácia da vacinação.Grata.

De Teresa a 24.06.2017 às 03:29

Não é estranho que na campanha de vacinação contra gripe, que vacinous 35 milhoes de pessoas (dados do Ministério da Saúde - Brasil), apenas se registrou quatro casos de reação adversa que ainda não foi provado que se deve a vacina? Só para atualizar a informação sobre os casos de Curitiba: https://cbncuritiba.com/2017/06/12/secretaria-investiga-conduta-de-profissionais-nos-casos-de-reacao-adversa-na-aplicacao-de-vacina/
"A secretaria também informou, por meio de assessoria de imprensa, que não foi registrada qualquer ocorrência em relação à segurança da vacina."

De Medicinas Alternativas a 24.06.2017 às 10:28

Cara Teresa, é uma boa questão.
Será que a secretaria tem realmente conhecimento de todos os casos de reacções adversas?
Será que a secretaria recebeu todos os casos de reacção adversa?
Será que os vacinados relatam à secretaria todos as reacções adversas?
Será que os profissionais relatam à secretaria todos os casos de reacções adversas?
Eu duvido muito que assim seja.

De Medicinas Alternativas a 24.06.2017 às 10:28

Bom fim de semana Teresa.

De Teresa a 24.06.2017 às 13:15

Quanto ao seu questionamento sobre o fato se a secretaria de saúde tem conhecimento de todos os casos de reação adversa.... Nós temos um jornalismo independente, não tenha a menor dúvida que se houvesse outros casos, isso teria sido amplamente noticiado. Os 4 casos relatados, verificaram mais tarde que se tratava de infecção bacteriana, claro que tem relação com o posto de saúde e com o ato da vacinação; no entanto, a vacina é contra o vírus da influenza e não bactéria.

De Medicinas Alternativas a 25.06.2017 às 09:33

Tem a certeza absoluta que todos os doentes relataram as suas reacções adversas? Tem a certeza absoluta que todos os médicos e enfermeiros, relataram todos os doentes com reacções adversas?
Pode garantir isto?
Eu não estou a duvidar do jornalismo independente, porém sabemos que nem tudo é comunicado ao jornalismo, ou não será assim?

Bom fim de semana.

Comentar post



A farmácia é a natureza !


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sabedoria

"Aqueles que pensam que não têm tempo para cuidar de si e da sua alimentação, mais cedo ou mais tarde terão de encontrar tempo para a doença."

Mais sobre mim

foto do autor







Mensagens



Biológico, claro!


Blogsportugal


Nota:

Este blogue, não visa substituir o seu técnico de saúde de sua confiança!

Sabedoria ancestral

Paracelsus: "O que cura é o amor."

fb