Publicidade: Conhece o LIV 52 para o figado?

Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



A seca está a dificultar a renovação dos caudais no rio Douro e noutros rios, o que tem contribuído para a degradação da qualidade da água que chega à torneira de quase todos os portugueses. 

Foto: fagilde

 

Nos Picos de Urbión, em Espanha, onde nasce o rio Douro, a nascente secou, depois de quase dois meses sem uma única pinga de chuva a cerca de 2150 metros de altitude. No entanto, os investigadores alertam para um fenómeno ainda mais preocupante: a deterioração da qualidade da água que ainda circula no caudal do rio.

Isto porque além da água das albufeiras ser extremamente reduzida, está a ser produzida pouca electricidade e, assim, a água permanece mais tempo nas albufeiras, explica Adriano  Sá, docente e investigador do Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar (ICBAS), no Porto.

A falta de renovação dos caudais leva a “uma degradação muito intensa da qualidade da água”, com impactos ecológicos “tremendos e desastrosos”. “Havendo menos água, também existe uma menor diluição de todos os contaminantes”, o que pode levar ao aparecimento das cino-bactérias, que conferem uma cor esverdeada à água e que “são tóxicas, inclusivamente para as pessoas”.

O Baixo Alentejo regista níveis preocupantes nas albufeiras, algumas delas a cerca de 15% da capacidade, comprometendo assim a qualidade da água.

Quase metade de 60 albufeiras de Portugal têm disponibilidades hídricas inferiores a 40% do volume total, segundo um relatório divulgado no dia 1 de Novembro deste ano, citado pela Lusa. 

Vários consumidores de água da torneira em Portugal, fizeram chegar-me os resultados das suas próprias análises. Foram encontradas concentrações de alumínio (provavelmente devido aos rastos químicos), pesticidas como o cancerígeno glifosato, metais pesados e drogas farmacêuticas. Tudo isto se passa há já anos em Portugal.

Segundo os leitores, a qualidade da água da torneira degradou-se significativamente desde 2014. A água em alguns meios urbanos apresenta cor acastanhada, resíduos escuros, mau cheiro intenso provavelmente devido ao cloro (um meio desinfectante, a maior parte da desinfecção de águas no mundo  ainda é feita com gás cloro). Outros países utilizam processos tais como hipoclorito de sódio, dióxido de cloro, ozônio/ozono ou luz ultravioleta, entre outras desinfecções.

A qualidade da água, tanto em Portugal como em vários países latinos, tem vindo a degradar-se de forma alarmante nos últimos 50 anos.

Há leitores que me questionam o que eu acho quanto à água potável em Portugal. Eu tenho sérias dúvidas que a água tenha qualidade suficiente para ser apelidada de água potável. Por algum motivo que desconheço, a ERSAR deixou de apresentar publicamente desde 2014 as "Análises em cumprimento do VP".

Seja como for para mim, para ser uma boa água potável devia ter uma pureza de 99,9%.

 

PS.:

Seca em Portugal. Por mais quantos anos?

 

 

Temas relacionados:

Herbicida cancerígeno mais vendido em Portugal, já na água e nos alimentos

Água: Pertence a todos e é saúde

A hidroterapia em casa

Confia na água que bebe?

Radioactividade: Japão (TEPCO) contamina o oceano e o ar

A obstipação/prisão de ventre

Ilha de Porto Santo: Turismo e terapia

Água, qual a quantidade certa?

Petróleo e gás de xisto em Portugal, uma ameaça para a sua saúde

Litoral português: Graves problemas na qualidade de água

Portugal e a saúde: Na cauda da Europa no que diz respeito à despoluição de metais pesados em meio hídrico

Químicos e fármacos levam a uma feminização dos machos

Rastos químicos: Governo Federal da Alemanha reconhece ter utilizado a geo-engenharia (vídeos)

Chlorella: Super-alimento que também serve para desintoxicar

MMS: Sabe o que é e para que serve?

Poluição do ar em Lisboa-Porto-Braga ultrapassa todos os limites

Portugal: O cancerígeno glifosato é pulverizado em larga escala nas estradas

França: Proibição total do glifosato

Portugueses e brasileiros bebem e comem cada vez mais plástico

Prata coloidal: Sabe o que é para que serve?

Ocidente: Má qualidade do esperma dos homens

Utensílio de cozinha com revestimento teflon: Quem perde é a sua saúde

Autoria e outros dados (tags, etc)

Alimentos biológicos e com vitalidade = saúde !

Que o teu alimento seja o teu único medicamento! Hipócrates

Países latinos livres de vacinas, de rastos químicos e de pesticidas!

Paracelsus: "O que cura é o amor."


11 comentários

De Anónimo a 09.11.2017 às 21:09

Passei em Setembro na barragem Pêgo do Altar e fiquei deveras impressionado com o que foi uma referencia para o turismo mas mais importante um pilar para a agricultura de Alcácer do Sal.

Recomendo o video: https://youtu.be/Y2-EhbtgXLE

De H. Toledo a 22.11.2017 às 18:36

Há cinquenta anos que já se previa este desfecho da seca em Portugal. Tivemos foi sucessivos desgovernos em meio século que não fizeram prevenção e agora temos o resultado que está à vista de todos.

De água da torneira contaminada a 23.11.2017 às 19:36

Um estudo feito em 12 países dos cinco continentes, com recolhas que foram analisadas pela Faculdade de Saúde Pública da Universidade do Minnesota, nos Estados Unidos, conclui que 83% da água potável continha microplástico. A conclusão é inédita, já que apenas se tinha estudado a presença de plástico nos oceanos, lagos e rios e nunca em canalizações domésticas.

A chefe da divisão de engenharia sanitária do Laboratório Nacional de Engenharia Civil, Maria João Rosa, diz que este alerta deve servir para fazer mais estudos, mas garante que é seguro beber água da torneira em Portugal, cita a TSF: "A extensão desse perigo associado à presença desses microplásticos na saúde humana ainda não está provada. Devemos minimizar as fontes de libertação no ambiente, nomeadamente na água, mas podemos continuar a beber água da torneira".

Segundo o estudo, os Estados Unidos lideram a lista dos países com maior taxa de contaminação, com 94%, onde se incluem edifícios como o Congresso, a sede da Agência de Proteção Ambiental e a Trump Tower, em Nova Iorque. Na Europa, o Reino Unido, Alemanha e França registam a menor taxa de contaminação, com cerca de 72%. A equipa de investigadores explica ainda que o número médio de fibras encontradas em cada amostra de 500 ml de água variou de 4,8% nos Estados Unidos para 1,9% na Europa.

Químicos tóxicos para o ser humanao

Os cientistas suspeitam que as fibras de microplástico contêm produtos químicos tóxicos para o ser humano, que se acumulam no organismo podendo conduzir à desregulação do sistema endócrino, por exemplo.

Todos os anos, 270 milhões de toneladas de plástico são produzidas em todo o mundo, sendo que mais de 40% é descartado após a primeira utilização.

De Infos a 20.11.2017 às 18:47

Eucaliptais, suinicultura, agricultura intensiva, rastos químicos tudo isto contribui para a seca em Portugal.
Os Marcelos, Cavacos, Coelhos e Costas e quejandos todos eles sabiam e sabem do perigo dos rastos químicos mas nunca fizeram nada.

De Anónimo a 20.11.2017 às 18:51

O sul da Europa está a aquecer mais rapidamente que a média mundial. No final deste século, Portugal e Espanha poderão vir a sofrer secas gigantes que vão durar vários anos e partes da Península Ibérica serão transformadas em deserto.

Se as piores previsões da Universidade de Newcastle se concretizarem, a partir de 2100 Portugal e Espanha vão ter períodos de 15 anos com níveis de chuva muito baixos

As projeções dos investigadores da universidade britânica baseiam-se em 15 diferentes modelos climáticos usados pelos organismos mundialmente reconhecidos, como a NASA ou o Instituto Meteorológico Max Planck.

Embora cada um dos modelos climáticos tenha produzido diferentes resultados, a verdade é que aqueles que prevêem "futuras secas extremas" acertaram em anteriores previsões, sublinham os investigadores no artigo publicado este ano no International Journal of Climatology.

Portugal está a atravessar a 8ª situação de seca severa ou extrema desde 1940, com a mais grave no período entre 2004 e 2006.

Espanha teve três grandes períodos de seca, com a última a durar cinco anos, entre 1990-1995. Mas tem vindo a sofrer vários períodos mais pequenos de seca nos últimos anos.

Os investigadores analisaram os dados dos três maiores rios da Península Ibérica. "Em todos os modelos climáticos se prevê a intensificação da seca no Douro, Tejo e Guadiana", referem.

"Alguns prevêem pequenos aumentos nas condições de seca, mas a maioria prevê secas, que podem durar 8 a 15 anos anos, com médias anuais de chuva muito baixas", salientam os investigadores.

PORTUGAL CONTINENTAL EM SITUAÇÃO DE SECA SEVERA (24,8%) E EXTREMA (75,2%)
A seca agravou-se em outubro e está a afetar todo o território de Portugal continental. O mês de outubro foi o mais quente dos últimos 87 anos, com o valor da temperatura média do ar cerca de três graus acima do normal.

CAMPOS ESTÃO SECOS E SEM PASTAGENS E OS ANIMAIS TÊM CADA VEZ MENOS ALIMENTO
Portugal está a atravessar uma situação de seca severa ou extrema, a situação mais grave desde 1940. Os campos estão secos e sem pastagens e os alimentos para os animais são cada vez menos. Os produtores pecuários dizem que as rações e palha não são suficientes para alimentar os animais.

De Anónimo a 20.11.2017 às 19:06

A passagem de atestados médicos para a carta de condução por via eletrónica permitiu identificar cinco casos suspeitos de fraude, um dos quais referente a um médico que passou 60 atestados num só dia, segundo fonte oficial. Em declarações à agência Lusa, o presidente dos Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS) -- organismo que em conjunto com Direção Geral da Saúde DGS) é responsável pela desmaterialização do atestado médico para a carta de condução -- afirmou que os casos serão agora avaliados pelo grupo de apoio à fraude do Ministério da Saúde. Em causa está um volume de atestados médicos diários muito acima do normal, sendo que, em média, um clínico passa por dia dois atestados médicos para a carta de condução.

OM CORRUPTA

Ler mais em: http://www.cmjornal.pt/portugal/detalhe/medico-suspeito-de-ter-passado-60-atestados-num-so-dia-para-carta-de-conducao

De Fiolhais e Marçal são uma fraude a 22.11.2017 às 06:39

Há 50 anos que o problema da água em Portugal se tem vindo a agravar e nenhum presidente e nenhum governo fez absolutamente nada para prevenir a situação.

De Verdade a 22.11.2017 às 12:39

A água e o ar em Portugal estão contaminados com radioatividade. Um painel de armas na Ucrânia explodiu em conjunto com uma bomba nuclear espalhando radioatividade pela Europa.
https://youtu.be/bGlUiVIId2A

De Verdade a 22.11.2017 às 12:43

A comunicação social portuguesa omite a verdade e chega a mentir. A onda de radioatividade na Europa e em Portugal foi originada na Ucrânia depois de uma bomba atómica ter ali explodido.
https://youtu.be/TF0dhd-ckoM

De portugal é um deserto? a 22.11.2017 às 18:11

não sabia que tinha explodido uma bomba atomica na ucrania. o video é impressionante.

De J. Coutinho a 22.11.2017 às 12:52

A água em Portugal está há muito tempo contaminada.
Meus pais têm um laboratório de análises e já há muito tempo que detetam pesticidas, partículas de plástico e metais pesados na água de torneira e também em água engarrafada.

Comentar post



A farmácia é a natureza !


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sabedoria

"Aqueles que pensam que não têm tempo para cuidar de si e da sua alimentação, mais cedo ou mais tarde terão de encontrar tempo para a doença."

Mais sobre mim

foto do autor







Mensagens



Ajude o seu fígado


Sabedoria ancestral

Paracelsus: "O que cura é o amor."

Atenção

Este blogue, não visa substituir o seu técnico de saúde de sua confiança!


fb