Publicidade: Quase toda a mulher sofre de anemia! Se sente cansada, tome Floradix com ferro

Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Responsabilidade do Estado

União terá de pagar R$ 80 mil a mulher que teve reação adversa a vacina

 

Uma mulher diagnosticada com polineuropatia inflamatória em decorrência da vacina contra a gripe H1N1 receberá R$ 80 mil de indenização por danos morais. A 4ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região confirmou, na última semana, a sentença que condena a União.

Em 2010, a mulher foi vacinada contra a gripe H1N1 em um posto de saúde. Dias após a aplicação, passou a sentir fortes dores pelo corpo. Ao consultar um médico, foi diagnosticada com polineuropatia inflamatória, inflamação nos nervos periféricos que causa formigamento e diminuição de força muscular.

Ela entrou com ação contra a União, pedindo indenização por danos morais, afirmando que a doença só se desenvolveu em função da vacina e que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) reconhece a doença como um possível evento adverso pós-vacinação.

A Justiça Federal de Erechim (RS) julgou o pedido procedente, e a União apelou ao tribunal regional alegando que os atestados médicos não afirmam que a doença ocorreu em virtude da aplicação da vacina.

O desembargador federal Luís Alberto d'Azevedo Aurvalle, relator do caso, negou o apelo, sustentando que a doença apareceu, de fato, em decorrência de reação à vacina.

"Embora a vacinação se imponha como medida de saúde pública para promover o bem da coletividade, o Estado-Administração não pode se furtar a oferecer amparo àqueles que, por exceção, vieram a desenvolver efeitos colaterais da vacina ministrada", afirmou o magistrado.

Outros casos
Outros pedidos de indenização por causa de reações adversas após vacinação já foram analisados pela Justiça. A 1ª Turma do Superior Tribunal de Justiça, por exemplo, decidiu que a União terá de pagar R$ 100 mil uma mulher que ficou paraplégica após tomar vacina contra a gripe influenza. 

O caso aconteceu em 2008, durante a campanha de imunização do Ministério da Saúde. Após receber a dose, a mulher começou a sentir dificuldades motoras, o que culminou com a impossibilidade de locomoção e o diagnóstico da síndrome de Guillain-Barré. Pelos danos sofridos, ela pediu a condenação da União por danos morais e materiais no valor total de R$ 680 mil, além de pensão vitalícia.

 

Obs.:

Porquê o Estado paga indemnizações e não as causadoras, i.e. as farmacêuticas? Mundo virou de pantanas ao ar?

 

Temas relacionados:

TJUE: Tribunal de Justiça, a vacina como fonte de doenças

OMS: Confirma surto de pólio após vacinação

Infarmed: "Reacção à vacina pode ser fatal"

Estudos farmacêuticos segundo o editor The Lancet: Metade são falsos, manipulados ou não confiáveis

Testemunha: Efeitos adversos das vacinas da Hepatite B e dT

Vacinas: Efeitos colaterais graves e anomalias causadas ao sistema imunológico

Partes do corpo humano nos alimentos, na cosmética e nas vacinas

"O sarampo em Portugal", factos; Refutada a existência do Vírus do sarampo

Vacinação: Vacina contra a gripe A pode provocar síndrome fatal

Vacinas: Armas de destruição massiva das farmacêuticas... (2ª Parte)

Mais uma mentira das farmacêuticas: Tribunal confirma que o vírus do sarampo não existe

Suécia: Parlamento votou "Não"; Contra a obrigação da vacinação

A.R.: Saúde Pública (Vacinação) ou não!

Portugal e a vacinação: 48% dos infectados são profissionais de saúde

Resutados de análises sobre conteúdo das vacinas

Vacina: Dobro de mortes entre crianças vacinadas em relação às não vacinadas

Cientista: A vacina contra VPH/HPV é uma fraude

Vacinas: São diferentes as que são administradas aos governos!

Coreia do Sul: Surto de varicela/catapora aumenta com a vacinação obrigatória, diz Estudo Sul-Coreano

As epidemias não desapareceram devido à vacinação

Vacinas: Demasiadas contêm o pesticida cancerígeno glifosato

Porque será que médicos, enfermeiros e assistentes preferem não se vacinar?

Estudo oficial: crianças que não são vacinadas são mais saudáveis

Síndrome de Guillain-Barré

Presidente Putin: OGM e vacinas ameaçam a evolução da humanidade

EUA: 145.000 crianças morreram devido às vacinas

Vacina VPH: 3.000 japonesas metem governo e farmacêuticas em tribunal

Ciência/medicina/farmacêuticas: Não conseguem provar e andam a enganar-nos (vídeos)

Frutos e legumes biológicos funcionam como boas vacinas

Crianças morrem após vacinação

A farsa das vacinas/vacinação

Alerta: Programa Nacional de Vacinação 2017; Terrorismo de Estado ?

DGS: Não é necessária a vacinação obrigatória

Infarmed: Pede atenção a eventuais reacções adversas à nova vacina

Vacina para HPV: Adolescente desmaia diariamente 8 vezes e tem narcolepsia

Vacinação: Lavagem cerebral

Mito: Vacinação garante imunidade

Epidemias, autismo e vacinas: A indústria farmacêutica fabrica e factura

Vacinação: H1N1 contamina os vacinados com SIDA/AIDS !

Estudo: O vírus Zika não é a causa da microcefalia mas sim vacinas

França: Suspendida vacina suspeita de causar doenças

O vírus do sarampo não existe?

Tribunal da Rep. Checa decide pela liberdade de os pais não vacinarem os filhos

Vacinas: Médicos indianos apresentam queixa-crime contra Bill Gates

Vacinas: Armas de destruição massiva das farmacêuticas...

Ainda acha que a indústria farmacêutica e as vacinas são benéficas ?!

Vacina da gripe: Faz mais vítimas, desta vez em Curitiba-Brasil

Médicos e farmacêuticos: Estudos sobre as vacinas são medíocres

Afinal a vacina da gripe não protege o adulto !

"Gardasil®, vacina mortal?"

Os perigos da vacinação!

Menino morre depois de ter sido vacinado

 

Fonte:

Revista Consultor Jurídico de Maio 2017

Autoria e outros dados (tags, etc)

Alimentos biológicos e com vitalidade = saúde !

Que o teu alimento seja o teu único medicamento! Hipócrates

Países latinos livres de vacinas!

Paracelsus: "O que cura é o amor."


2 comentários

De Vacinas matam a 28.06.2017 às 13:48

E vão chover pedidos de indemnização contra o estado português e seu PNV.

De A ciência de hoje é uma treta a 30.06.2017 às 07:14

Na idade média, as pessoas acreditavam que a Terra era plana, porque elas tinham ao menos a evidência de seus sentidos; nós acreditamos que ela é redonda não porque um por cento de nós pudesse dar as razões científicas para uma crença tão fantástica, mas porque a ciência moderna nos convenceu de que nada que é óbvio é verdadeiro, e que tudo que é mágico, improvável, extraordinário, gigantesco, microscópico, cruel ou excessivo é científico.

(George Bernard Shaw)

Comentar post



A farmácia é a natureza !


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sabedoria

"Aqueles que pensam que não têm tempo para cuidar de si e da sua alimentação, mais cedo ou mais tarde terão de encontrar tempo para a doença."

Mais sobre mim

foto do autor







Mensagens



Biológico, claro!



Nota:

Este blogue, não visa substituir o seu técnico de saúde de sua confiança!

Sabedoria ancestral

Paracelsus: "O que cura é o amor."

fb