Publicidade: Quase toda a mulher sofre de anemia! Se sente cansada, tome Floradix com ferro

Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Uma arma de destruição em massa é uma arma química, nuclear, radiológica, biológica, que pode matar um grande número de pessoas ou afectar muitos, para não mencionar os enormes danos feitos nas estruturas  e na biosfera.

Os pesticidas são as únicas substâncias tóxicas que são intencionalmente aplicadas no nosso meio (e regularmente), para matar seres vivos. "Pesticida/Agrotóxico" é o termo genérico para as substâncias que matam, plantas "daninhas" (herbicidas), insectos (insecticidas), fungos (fungicidas) e roedores (raticidas), ou outras pragas agrícolas (as pragas).

Rastos químicos, são parte da distribuição em massa contínua no ar, de resíduos biológicos e de pesticidas.

No início, os rast(r)os químicos no céu eram diferentes, mas agora eles são fáceis de distinguir. Até porque eles se dissolvem muito mais lentamente, porque eles não são formados por condensação, à base de água. Rastos químicos são muito densos  e formam muitas vezes nos céus um x ou uma grade, como no jogo do galo.

As vacinas, são injecções experimentais com ingredientes activos doentios que provocam reacções nos seres humanos, i.e. uma resposta excessiva anormal no sistema imunológico para mais tarde atenuar os efeitos da subsequente infecção por agentes patogénicos "selvagens". A eficácia da vacinação até à data não foi ainda demonstrado, nem na teoria nem na prática, jamais de forma conclusiva.

Na verdade, os micróbios e vírus "mortos" ou "enfraquecidos" despertam nas pessoas vacinadas e dessa forma trazem ao de cima a doença contagiosa, da qual a imunização deveria proteger e desse modo se promove a sua propagação (da doença contagiosa).

Mesmo que a vítima vacinada do vírus inactivo não fique imediatamente  doente,  - são conhecidas as substâncias causadoras de cancro/câncer, os agentes e organismos geneticamente modificados que estão incluídos em todas as vacinas, mesmo nas vacinas da gripe, e a curto e a longo prazo, graves danos para a saúde das pessoas vão causar.

Alguns destes ingredientes activos, ou "ajudas" são mercúrio (Tiomersal), glutamato monossódico (GMS), formaldeído (fluido de embalsamamento) e alumínio (comprovadamente a doença de Alzheimer pode ser desta forma provocada). Nenhum destes ingredientes da vacina, ficou provado ser seguro para o corpo humano, – apesar de todos os estudos publicados pagos, pelos fabricantes desses mesmos estudos. Hoje, o costume da vacinação, foi comprovado que contribui para a propagação de mais de 25 doenças infecciosas, incluindo a pólio e o sarampo.

 

Armas biológicas e químicas são usadas nos EUA e em países em desenvolvimento para controlar a população

Nenhum outro país no mundo tem maior interesse no limite da população, como EUA, especialmente quando se trata de eugenia para etnias, - dessa forma limita-se o crescimento da população negra no EUA e também em África -  enquanto os globalistas e os multi-bilionários afirmam que pretendem apenas ajudar as minorias e menos privilegiados, os pobres e os famintos com "comida" e "drogas farmacêuticas".

Na verdade, a lei do EUA permite testar agentes químicos e biológicos na população civil. Embora não haja aprovação, mas não existe uma votação e outros procedimentos de forma a proteger o bem-estar das pessoas, dos animais e do meio ambiente.

E muitos dos auto-proclamados filantropos como Bill Gates (Bill Gates: "a vacinação é a melhor forma de reduzir da população" (ver vídeo)), ou George Soros que apoia o despovoamento através de medidas de financiamento, promoção e divulgação de alimentos geneticamente modificados (alimentos cancerígenos, carregados de pesticidas), bem como a vacinação de cidadãos incautos com substâncias tóxicas.

Sob o pretexto de caridade, alguns estratos sociais  e minorias "indesejáveis" da população vão sendo eliminados sistematicamente através dos alimentos e fármacos que alegadamente "ajudam" essas minorias.  Vacinas, como aquelas contra a DTaP (difteria, tétano e tosse convulsa) e o HPV que depois tornam as adolescentes inférteis.

No Quénia a Associação Católica de Médicos acusa a UNICEF e a OMS, de terem esterilizado milhões de meninas no início de sua idade fértil, sob o pretexto d Programa "Anti-Tétano" de vacinação (financiado pelo governo do Quénia). Estudos científicos realizados por laboratórios independentes revelou que pelo menos meia dúzia das vacinas testadas contra Tétano, de diferentes regiões do Quénia, confirmaram os piores receios: Todas acusaram o hCG antigeno, que está presente nos contraceptivos.

 

Zika-Vírus-boato: na verdade, a aplicação do "Naled" causou os defeitos de nascimento, que os meios de comunicação social acusa de ser o Zika 

O insecticida altamente tóxico "Naled" contém dibromo, mesmo em baixas concentrações, comprovadamente causa malformações nos seres humanos durante a gestação. Afinal aqui é utilizada portanto, uma arma de destruição em massa, ainda que seja em nome do controlo de insectos,  – e a população ianque é estupidificada pela água fluoretada e pelos produtos farmacêuticos, de tal forma que a população chega realmente a acreditar que o governo cuida da população e que quer ajudá-la!

 

 

Temas relacionados:

Desmistificar a microcefalia com um exemplo vivo

Mito: Vacinação garante imunidade

Cabo Verde: Confirma 7164 casos de zika e nenhum caso de microcefalia

Vacina para HPV: Adolescente desmaia diariamente 8 vezes e tem narcolepsia

Mito: Vacinação garante imunidade

Epidemias, autismo e vacinas: A indústria farmacêutica fabrica e factura

Presidente Putin: OGM e vacinas ameaçam a evolução da humanidade

A farsa das vacinas/vacinação

França: Suspendida vacina suspeita de causar doenças

Estudo oficial: crianças que não são vacinadas são mais saudáveis

Cancerígeno: Herbicida mais vendido em Portugal, já na água e nos alimentos

Monsanto revela que milho transgénico pode fazer mal à saúde

Estudo: alimentos da agricultura convencional, muito contaminados com pesticidas

Agrotóxicos: O veneno no seu prato

Farmacêuticas não visam a cura, mas a dependência, diz Nobel da Medicina

Os fármacos podem matar

Médicos e farmacêuticos: Estudos sobre as vacinas são medíocres

Afinal a vacina da gripe não protege o adulto !

Wi-Fi: Perigo para a sua saúde

Celular/telemóvel: Perigo à espreita

- Experiência: Plantas não crescem perto de roteadores Wi-Fi 

Baviera: Sistema único no mundo para desintoxicar o sangue (devido aos rast(r)os químicos)

 

Fontes:

kopp-verlag

pravda-tv

politaia

antizensur

Autoria e outros dados (tags, etc)

Alimentos biológicos e com vitalidade = saúde !

Que o teu alimento seja o teu único medicamento! Hipócrates

Países latinos livres de vacinas!

Paracelsus: "O que cura é o amor."

Pág. 1/18



A farmácia é a natureza !


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sabedoria

"Aqueles que pensam que não têm tempo para cuidar de si e da sua alimentação, mais cedo ou mais tarde terão de encontrar tempo para a doença."

Mais sobre mim

foto do autor







Mensagens



Biológico, claro!



Nota:

Este blogue, não visa substituir o seu técnico de saúde de sua confiança!

Sabedoria ancestral

Paracelsus: "O que cura é o amor."

fb